MADEIRA Meteorologia

"60% dos madeirenses não têm dinheiro para férias", diz Ricardo Lume

JM-Madeira

JM-Madeira

Data de publicação
22 Julho 2021
15:15

O deputado comunista Ricardo Lume defendeu esta quinta-feria que o verdadeiro Estado da Região é bastante distinto daquilo que o Governo Regional anuncia.

A segunda ronda do debate sobre o Estado da região, decorre ao longo da tarde desta quinta-feira, no Parlamento Regional, destinando-se às intervenções finais das diversas bancadas, por ordem crescente de tempo, consoante a representatividade parlamentar, ou seja, sucessivamente, PCP (quatro minutos), JPP (sete minutos), CDS (sete minutos), PS (18 minutos) e PSD (20 minutos).

Caberá ao presidente do Governo Regional fechar o debate, com uma alocução máxima de 20 minutos.

Nesta contextualização, Ricardo Lume (PCP) foi, então, o primeiro deputado a subir ao palanque. "O modelo de desenvolvimento implementado beneficia uma elite que muito ganha com a precariedade e baixos salários. A nossa Região até é considerado o melhor destino insular do mundo, mas na realidade a precariedade do setor é cada vez maior. Dados mostram que 60% da população madeirenses não tem condições para pagar uma semana de férias fora da região", elencou Ricardo Lume. "Este é que é o grande Estado da Região", complementou.

Falou em madeirense que "tem que se endividar para ter direito à Saúde" e perspetiva que a situação tenha "tendência a se agravar com o fim das moratórias".

David Spranger

OPINIÃO EM DESTAQUE
Coordenadora regional do Bloco de Esquerda
19/06/2024 08:00

O PSD-M anda a convocar as forças terrenas e celestes - aparentemente, neste jardim plantado no Atlântico, até Deus está cansado da democracia (só pode...

Ver todos os artigos

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Considera que o novo governo vai cumprir o mandato?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas