MADEIRA Meteorologia

Suspeito de matar namorada com 2 tiros no Porto terá agido “movido por ciúmes”

Data de publicação
09 Julho 2024
12:06

A Policia Judiciaria (PJ) adiantou hoje que o homem que, na segunda-feira, matou com dois tiros uma mulher no Porto e que depois se colocou em fuga agiu “movido por ciúmes e num quadro de premeditação”.

Em comunicado, aquela força de investigação esclarece que o homem, de 51 anos, foi detido “fora de flagrante delito” por suspeita da prática do crime de homicídio qualificado da namorada e sócia de 40 anos.

Ao final da tarde de segunda-feira, no interior de uma loja, o detido, aponta a PJ, “movido por ciúmes e num quadro de premeditação, empunhou uma espingarda caçadeira e efetuou dois disparos, atingindo mortalmente a mulher”.

Segundo a PJ, o homem “vinha controlando os movimentos da vítima, sua namorada e sócia, surpreendeu-a no seu local e trabalho”.

Após o crime, o suspeito colocou-se em fuga e entregou-se horas mais tarde no posto da GNR de Estarreja.

O detido vai ser presente à autoridade judiciária competente para primeiro interrogatório judicial e aplicação das medidas de coação.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Há condições para o Orçamento da Região ser aprovado esta semana?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas