MADEIRA Meteorologia

Ucrânia: EUA anunciam acusações contra vários oligarcas russos

Data de publicação
22 Fevereiro 2024
19:11

Os Estados Unidos avançaram com acusações contra vários oligarcas russos, com o objetivo de cortar “o fluxo de fundos ilegais” que alimentam a guerra da Rússia na Ucrânia, adiantou hoje o Departamento de Justiça norte-americano.

“O Departamento de Justiça está mais empenhado do que nunca em cortar o fluxo de fundos ilegais que alimentam a guerra de Putin e em responsabilizar aqueles que continuam a permitir isso”, sublinhou o secretário da Justiça dos EUA, Merrick Garland, citado num comunicado.

A dois dias do segundo aniversário da invasão da Ucrânia pela Rússia, Merrick Garland anunciou várias medidas tomadas pelo seu ministério “para processar” e “apreender os bens” destes elementos-chave para o Kremlin (presidência russa) e para o Exército russo.

De Nova Iorque à Florida, foram instaurados processos contra vários oligarcas russos, incluindo Andreï Kostin.

O patrão do VTB, o segundo maior banco russo, é acusado, entre outras coisas, de lavagem de dinheiro e de ter contornado sanções para a manutenção de dois “super iates”, avaliados juntos em mais de 135 milhões de dólares (127 milhões de euros, à taxa de câmbio atual), segundo o Departamento da Justiça.

Michael Khoo, codiretor do ‘grupo de trabalho KleptoCapture do Departamento de Justiça, realçou, numa conversa telefónica com jornalistas, que o anúncio pretende enviar uma mensagem ao Presidente russo Vladimir Putin de que os Estados Unidos não vão desistir, enquanto a guerra continuar.

A KleptoCapture impõe as restrições económicas dentro dos EUA aplicadas à Rússia e aos oligarcas.

O Departamento de Justiça afirma que nos últimos dois anos obteve ordens judiciais para a contenção, apreensão e confisco de quase 700 milhões de dólares (646 milhões de euros) em bens e acusou mais de 70 pessoas por violarem sanções e controlos de exportação.

Os Estados Unidos e a União Europeia aplicaram uma bateria de sanções contra Moscovo desde o início da guerra após a invasão russa da Ucrânia em 24 de fevereiro de 2022.

O Presidente dos EUA Joe Biden prometeu anunciar esta sexta-feira “grandes sanções” contra a Rússia, em resposta à morte, na semana passada, na prisão, de Alexei Navalny, o principal opositor do Kremlin.

A ofensiva militar russa no território ucraniano mergulhou a Europa naquela que é considerada a crise de segurança mais grave desde a Segunda Guerra Mundial (1939-1945).

OPINIÃO EM DESTAQUE
Coordenadora do Centro de Estudos de Bioética – Pólo Madeira
11/04/2024 08:00

A finitude da vida é um tema que nos confronta com a essência da nossa existência, levando-nos a refletir sobre o significado e o propósito da nossa passagem...

Ver todos os artigos

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Concorda com a mudança regular da hora duas vezes por ano?

Enviar Resultados
RJM PODCASTS

Mais Lidas

Últimas