MADEIRA Meteorologia

Sismo de 6,3 registado no Peru sem vítimas ou danos materiais

Data de publicação
16 Junho 2024
17:24

Um sismo de magnitude 6,3 na escala de Richter abalou hoje a região de Arequipa, no sul do Peru, às 09:47 locais (15:47 em Lisboa), sem danos pessoais ou materiais até ao momento, informou o Instituto Geofísico do Peru.

O epicentro do abalo foi localizado a 41 quilómetros a sudoeste do distrito costeiro de Chala, na província de Caravelí, em Arequipa, a mais de 600 quilómetros de Lima, disse a agência na rede social X.

O sismo ocorreu a uma profundidade de 25 quilómetros e atingiu uma intensidade de IV-V (escala de Mercalli Modificada) em Chala, ou seja, “moderada/ligeiramente forte”.

O Centro Nacional de Operações de Emergência (COEN) explicou que o epicentro foi localizado no mar e que está a monitorizar continuamente as áreas vulneráveis.

Por seu lado, a Direção de Hidrografia e Navegação da Marinha de Guerra do Peru excluiu a possibilidade de este sismo ter gerado um alerta de tsunami na costa peruana.

O Peru está localizado numa região conhecida como o Anel de Fogo do Pacífico, onde ocorre mais de 80% da atividade sísmica mundial.

O último grande terramoto no país ocorreu ao largo da cidade costeira de Pisco, em agosto de 2007. Com uma magnitude de 7,9 na escala de Richter, o abalo atingiu a cidade e toda a região sul de Ica, causando mais de 500 mortos e danos materiais de milhões, inclusive em infraestruturas e habitações.

De acordo com a escala de Richter, os sismos são classificados segundo a sua magnitude como micro (menos de 2,0), muito pequenos (2,0-2,9), pequenos (3,0-3,9), ligeiros (4,0-4,9), moderados (5,0-5,9), fortes (6,0-6,9), grandes (7,0-7,9), importantes (8,0-8,9), excecionais (9,0-9,9) e extremos (quando superior a 10).

A escala de Mercalli Modificada mede os graus de intensidade dos sismos.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Há condições para o Orçamento da Região ser aprovado esta semana?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas