MADEIRA Meteorologia

Chega denuncia obra “sem sentido” na Tabua

Data de publicação
17 Maio 2024
9:11

O Chega apontou o asfaltamento de um trecho da Estrada Regional 222, entre o Sítio da Praia e os Zimbreiros, na Tabua, como uma obra “sem sentido”.

No local, o deputado Celestino Sebastião denunciou aquilo que é, na sua opinião, “um uso abusivo dos recursos públicos”.

Segundo o deputado do Chega, “os tubos que transportam a água e os esgotos estão danificados, o que constitui um risco para a saúde pública”. O partido afirma que as entidades competentes foram atempadamente alertadas da situação, “mas revindicaram que não tinham verba disponível para proceder ao devido arranjo e vão, à mesma, proceder à asfaltagem do terreno”.

“Não faz sentido nenhum asfaltar uma estrada, quando os tubos que estão enterrados na estrada estão danificados. Além do risco para a saúde pública, isto é despesismo, pois, daqui a dias, vão ter de intervir na estrada e rebentar com a asfaltagem que vão fazer. Isto é de gente sem cabeça”, expressou o deputado.

Para o Chega, as autoridades públicas “têm de ser mais criteriosas no uso do dinheiro dos contribuintes”, e, por isso, o partido promete continuar a denunciar mais exemplos do que entende ser “incompetência” na gestão do dinheiro dos contribuintes.

“Não podemos permitir o desperdício do dinheiro dos contribuintes porque as pessoas vivem com dificuldades, querem uma vida digna e não precisam de um governo que anda a gastar em obras que são uma ofensa à inteligência dos cidadãos”, rematou Celestino Sebastião.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Considera que o novo governo vai cumprir o mandato?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas