MADEIRA Meteorologia

Albuquerque quer garantir que a Madeira está segura e é um destino seguro

JM-Madeira

JM-Madeira

Data de publicação
29 Julho 2021
20:21

"Se, no continente, vão deixar a máscara em setembro ou vão fazer o pino no cais do Sodré, não quero saber de nada disso. A minha obrigação aqui, é tomar as medidas no sentido de garantir que a Madeira está segura e é um destino seguro", comentou assim Miguel Albuquerque as medidas de desconfinamento anunciadas estas tarde pelo primeiro-ministro António Costa.

Falando com os jornalistas à margem da inauguração do lançamento de um livro e de uma exposição, no âmbito do aniversário do Museu de Fotografia da Madeira, o presidente do Governo Regional reiterou que na Região vigora "um conjunto de medidas preventias e profiláticas que têm dado resultado na contenção da infeção".

"É importante as pessoas terem noção de que temos uma população flutuante semanal, em média, de 37 mil pessoas, ou seja, pessoas que durante a semana entram e saem, e estamos neste momento com uma afluência turística muito elevada, que entre 1 e 22 de julho, foi de cerca de 85 mil pessoas, segundo os dados que tenho", acrescentou.

Depois de ter presidido durante a tarde ao Conselho do Governo, em que foi renovada a situação de calamidade, o líder do executivo regional focou que o objetivo fundamental das medidas adotadas visa a "segurança, a vivência normal e o funcionamento da economia mantendo alguns atrativos para quem nos visita".

"Vamos manter o encerramento dos estabelecimentos à meia noite e o recolher obrigatório à uma da manhã, manter o distanciamento social e o uso da máscara, porque a pandemia não acabou. Se, no continente, vão deixar a máscara em setembro e vão fazer o pino no cais do Sodré, não quero saber de nada disso. A minha obrigação aqui, é tomar as medidas no sentido de garantir que a Madeira está segura e é um destino seguro", declarou.

Iolanda Chaves

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Considera que o novo governo vai cumprir o mandato?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas