MADEIRA Meteorologia

Ajuda a Alimentar Cães resgatou cão a necessitar de cuidados veterinários urgentes

Data de publicação
11 Junho 2024
11:35

A Ajuda a Alimentar Cães resgatou, este fim de semana, um cão em estado muito grave de saúde e a necessitar de cuidados veterinários urgentes.

Numa publicação feita nas suas redes sociais, a associação denunciou a crueldade da anterior família do patudo, que inclusivamente “disse que ele provavelmente já estava morto”.

“Sorte a dele que os vizinhos o viram a abrir os olhos senão ficaria naquele chão frio do quintal até realmente morrer”, relatou a Ajuda a Alimentar Cães.

Conforme descreveu esta instituição, o animal chamado Mago “tem insuficiência renal, infeção urinária, otites e uma anemia muito grave”.

“Está caquético, sente-se os ossinhos todos, não sabemos há quanto tempo não comia nem bebia água. Está cego, cheio de rastas e a cheirar muito mal. Tinha larvas em várias partes do corpo. Está sem forças nenhumas e nem consegue andar. Está realmente fraco. Ele está com dores e o prognóstico é muito reservado”, deplorou ainda, apontando que, dada a gravidade da situação, o cão foi resgatado e transportado de urgência para a clínica.

“Para não terem problemas, a família foi à clínica pagar os tratamentos iniciais dele. É o mínimo que podem fazer. Não pediram para o ver nem perguntaram por ele”, lamentou ainda a Ajuda a Alimentar Cães, que afirma não consegui habituar-se à frieza das pessoas.

Numa outra publicação, a associação deu conta de que a maioria das rastas de Mago já foram retiradas e o mesmo já tomou um banho. “Não desistas Mago, há muita gente a torcer por ti”, terminou.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Considera que o novo governo vai cumprir o mandato?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas