MADEIRA Meteorologia

Ministro diz que solução para a falta de professores é a valorização da carreira

Data de publicação
17 Abril 2024
13:05

O ministro da Educação, Ciência e Inovação, Fernando Alexandre, defendeu hoje que a valorização da carreira é a solução para combater o problema da falta de professores no país.

Em declarações aos jornalistas na Universidade do Minho, em Braga, Fernando Alexandre reafirmou que o Governo está a preparar um plano imediato para que o próximo ano letivo seja “bastante mais positivo” que o atual em termos de alunos sem professores.

“Não estou a dizer que vamos conseguir garantir que não há alunos sem professores no próximo ano letivo. Vamos ter de ter várias medidas de curto prazo e vamos ter de ter medidas de mais médio prazo e de longo prazo, que é a valorização da carreira dos professores”, referiu.

Fernando Alexandre aproveitou para “clarificar” a questão do número de alunos sem professor, lembrando que, em muitos casos, são situações pontuais, de uma semana ou duas, decorrentes das baixas dos docentes.

“Temos, por exemplo, 30 mil alunos sem professores, mas 10 mil estão sem professor na última semana, porque houve baixas”, apontou, lembrando que as baixas “são muito elevadas” na área da educação.

Disse ainda que “não houve planeamento” para preparar a substituição dos professores que todos os anos vão para a reforma.

“Infelizmente, não houve esse planeamento, não houve esse trabalho, e por isso agora ele tem de ser feito e teremos de encontrar soluções”, disse ainda.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Quem vai ganhar a Taça de Portugal?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas