MADEIRA Meteorologia

PS promete honrar compromissos com os bombeiros

Data de publicação
04 Maio 2024
17:16

“O PSD falhou com os bombeiros da Região porque não quis aprovar o Orçamento Regional”, denunciou hoje Paulo Cafôfo, afiançando que, com um Governo Regional do PS, será honrado o compromisso de, conjuntamente com as autarquias, assegurar atempadamente o financiamento das diferentes corporações de bombeiros da Região.

A garantia foi deixada após uma reunião da candidatura do PS-M às eleições legislativas regionais com a Associação Humanitária dos Bombeiros Voluntários de Santana.

Neste que é o Dia Internacional e Regional do Bombeiro, o líder socialista e candidato à presidência do Governo Regional aproveitou para destacar o importante trabalho que os bombeiros desempenham no socorro e na proteção civil, enaltecendo a dedicação com que se entregam a esta causa, a qual tem de ser devidamente reconhecida e valorizada.

Paulo Cafôfo referiu-se aos atrasos que se verificaram nas transferências do Governo Regional para as associações de bombeiros da Região, ao abrigo dos contratos-programa assinados, uma situação que causou incerteza e os consequentes constrangimentos no desempenho das funções destes homens e mulheres.

O líder socialista lamentou a despreocupação e a insensibilidade do Executivo, dando conta que, se não fossem as denúncias públicas, estes atrasos ainda se mantinham. À custa desta situação, revelou, houve várias corporações com dificuldades de tesouraria, colocando em causa o socorro e proteção civil, mas também os próprios vencimentos dos bombeiros.

Paulo Cafôfo considerou que, pela natureza e importância da sua missão, os bombeiros não podem estar sujeitos a esta instabilidade e incerteza e assegurou que, se o PS for Governo, irá honrar o acordo estabelecido com as corporações e as autarquias, assumindo a parte financeira que cabe ao Executivo no financiamento aos bombeiros. Um acordo que, vincou, está a ser honrado pelas câmaras municipais, que mantêm as suas comparticipações em dia.

Cafôfo disse ainda que o modelo de financiamento das associações de bombeiros tem de ser visto como um primeiro passo da reestruturação do socorro na Região Autónoma da Madeira, que deverá englobar em breve a revisão do Estatuto do Bombeiro Profissional, bem como a atratividade do voluntariado.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Considera que o novo governo vai cumprir o mandato?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas