MADEIRA Meteorologia

PAN Madeira critica falta de respostas para os casos de endometriose

Data de publicação
16 Abril 2024
15:06

O PAN Madeira insurgiu-se, hoje, contra a falta de respostas para os casos de endometriose, uma condição médica que afeta as mulheres, mas para a qual ainda escasseia apoios na Região.

Tal situação é considerada “inaceitável” pelo partido, uma vez que as utentes se veem obrigadas a se deslocar ao Continente para fazer exames e receber os devidos tratamentos, tendo de fazer os mesmos no privado.

“A desvalorização que é feita pelos/as profissionais nesta matéria é de lamentar, estamos no século XXI e não podemos continuar a basear a medicina no sexo masculino. Com tanta informação e evolução na investigação, não se aceita que não se olhe para a mulher com as especificidades que acarreta e que continuemos a ser coniventes com a normalização da dor e do sofrimento”, refere a deputada Mónica Freitas, que enaltece o trabalho de sensibilização feito por Mariana Luís, na página de Instagram @entrelinhasdador, na qual alerta para esta doença descrita como incapacitante e devastadora.

Recorde-se que a endometriose foi um tema noticiado pelo JM na edição do passado domingo, no qual deu a conhecer o testemunho desta jovem de 27 anos.

Já a deputada única do PAN assegurou que irá utilizar os instrumentos disponíveis da Assembleia para questionar a Secretaria sobre este mesmo assunto, “na procura de respostas e alternativas que garantam o acesso à saúde gratuita e de qualidade que é exigida, não esquecendo a importância da equidade nos tratamentos médicos que merecem formação e serviços humanizados”.

“O PESSOAS – ANIMAIS – NATUREZA deixa ainda claro que a igualdade de género no acesso e tratamentos na saúde é um pilar fundamental e estaremos sempre na linha da frente na defesa dos e das madeirenses, chamado a atenção e lutando para que este tipo de situações deixem de existir, prevendo-se, no nosso programa eleitoral, várias medidas que promovem os cuidados de saúde especializados, não discriminatórios e generalizados”, rematou.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

O presidente do Marítimo tem condições para continuar no cargo após agredir um adepto?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas