MADEIRA Meteorologia

Mau tempo: Depressão frontal esperada na Madeira passou "mais a leste", revela IPMA

JM-Madeira

JM-Madeira

Data de publicação
31 Março 2021
12:32

A depressão atmosférica prevista para o arquipélago da Madeira passou "mais a leste", não atingindo significativamente a região, revelou hoje o diretor do Observatório do Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) na região, Victor Prior.

"Os avisos continuam, mas a situação já é pacífica, poderá haver algum aguaceiro mais forte, mas tudo o que era mais complicado já passou", referiu à agencia Lusa, ao fim da manhã, Victor Prior.

Segundo o diretor do IPMA na Madeira, "o setor mais ativo deste sistema passou mais a leste e, a partir de agora, só há melhorias e aquilo que foi registado não é nada significativo".

Na terça-feira, as previsões apontavam para uma depressão frontal que iria condicionar o tempo no arquipélago da Madeira, estando previsto que o período mais crítico acontecesse hoje entre as 07:00 e as 08:00.

Durante a noite caiu chuva em algumas regiões do arquipélago, tendo o maior valor de precipitação sido registado na Bica da Cana (21,6 milímetros numa hora), seguido do Porto Santo (16,9), São Vicente (16,7) e Lugar de Baixo (16,4 milímetros numa hora), de acordo com o responsável.

Na cidade do Funchal foram registados 3,5 milímetros numa hora.

No acumulado de seis horas, o maior valor foi igualmente na Bica da Cana (36,3), São Vicente (33,2), Lugar de Baixo (28,6) e Porto Santo (23,1 milímetros).

"Nesta chuvada foram registados 200 raios no Funchal numa área de 100 quilómetros", acrescentou Victor Prior.

Quanto ao vento, durante a noite o Pico do Arieiro registou uma rajada de vento de 102 quilómetros por hora; a Santa, no Porto Moniz, de 90; Santa Cruz 79 e Funchal de 50 quilómetros por hora.

"O vento vai continuar até o início da parte da tarde mas, em termos de chuva, é sempre a melhorar", concluiu o diretor do IPMA na Madeira.

Os Sapadores e as Associações Voluntárias de Bombeiros do arquipélago adiantaram à Lusa não ter havido ocorrências significativas.

Contactada pela Lusa, fonte da empresa Groundforce disse que a ligação aérea das 07:30 entre a Madeira e o Porto Santo foi cancelada devido ao vento, estando previsto manter-se o voo da tarde, às 18:30.

Lusa

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Concorda que Portugal deve “pagar custos” da escravatura e dos crimes coloniais?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas