MADEIRA Meteorologia

‘Madeira Primeiro’ quer voto dos emigrantes para a ALRAM

Data de publicação
10 Fevereiro 2024
22:50

Numa iniciativa levada a cabo pela coligação PSD/CDS, hoje, no Porto Moniz, o candidato Paulo Neves defendeu que “se os nossos emigrantes são importantes- e são- para enviarem as sua remessas, para dinamizarem a economia regional e investirem cá, também têm todo o direito e todas as condições para participar no futuro da Região”.

“Nós temos uma comunidade emigrante muito grande e não podemos dispensar o voto dos madeirenses que vivem fora da Madeira, porque eles também têm uma palavra a dizer”, frisou, na ocasião, o candidato, deixando claro que este é um compromisso pelo qual a coligação ‘Madeira Primeiro’ se propõe a trabalhar, ainda com mais afinco, na próxima Legislatura, de modo a resolver uma situação que se arrasta há anos na República, devido a uma governação Central que não tem tido capacidade nem vontade para resolver os problemas.

Paulo Neves que, a este propósito, fez questão de referir que “a política de Emigração do Governo Socialista, nos últimos oito anos, foi um desastre completo, porque ficou tudo igual”, deixando claro que todos os problemas que existiam em relação aos Emigrantes em geral e, em particular, no que toca aos Emigrantes da Madeira, “mantêm-se”, algo que ainda é mais lamentável quando, nos últimos anos, a Secretaria de Estado das Comunidades foi liderada por um madeirense e, nem assim, houve uma sensibilidade maior para todas as questões que continuam por resolver.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

O que se segue à demissão de Miguel Albuquerque?

Enviar Resultados
RJM PODCASTS

Mais Lidas

Últimas