MADEIRA Meteorologia

ADN critica controlo de fronteiras para passageiros de navios de cruzeiro

Data de publicação
16 Abril 2024
13:08

“A imposição de controlo de fronteiras para os passageiros de navios de cruzeiro provenientes de países terceiros é uma medida digna de crítica” para o ADN uma vez que, enquanto isso, “milhares de imigrantes entram no país sem qualquer tipo de controlo, alegadamente para trabalhar, revelando uma hipocrisia flagrante por parte das autoridades”.

“Enquanto os turistas são submetidos a escrutínio e restrições, os imigrantes frequentemente escapam a qualquer forma de verificação, o que coloca em questão a lógica por trás destas políticas”, refere Miguel Pita, cabeça de lista do partido às eleições regionais.

O ADN reforça que, além disso, “esta medida discrimina os turistas que optam por visitar o país, prejudicando a indústria do turismo, que desempenha um papel crucial na dinamização económica da região.” “Os navios de cruzeiro são uma fonte importante de receita e emprego para muitas comunidades costeiras, e impor barreiras adicionais à entrada de turistas pode ter impactos significativos nessas economias locais.”

“É preocupante que, em vez de facilitar e incentivar o turismo, uma indústria responsável por impulsionar o desenvolvimento económico e criar oportunidades de emprego, as autoridades optem por medidas que apenas dificultam a vida dos turistas e prejudicam os interesses económicos locais”, acrescenta. “Em vez de atacar injustamente o setor de cruzeiros, as autoridades deveriam concentrar os seus esforços em políticas mais equilibradas e eficazes de controlo de fronteiras que não discriminem os turistas e não prejudiquem a economia local”, conclui.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Quem vai ganhar a Taça de Portugal?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas