MADEIRA Meteorologia

Ministério da Saúde avança com auditoria administrativa e financeira ao INEM

Data de publicação
03 Junho 2024
16:49

O Ministério da Saúde confirmou hoje a realização de uma auditoria administrativa e financeira ao Instituto Nacional de Emergência Médica (INEM), mas remeteu mais esclarecimentos para a audição parlamentar da ministra na quarta-feira.

“O Ministério da Saúde confirma o pedido de uma auditoria administrativa e financeira ao INEM. Demais esclarecimentos serão dados na Comissão de Saúde, agendada para a próxima quarta-feira”, adiantou à Lusa o gabinete de Ana Paula Martins.

A intenção de o ministério avançar com esta auditoria foi adiantada pelo comentador Luís Marques Mendes no domingo na SIC.

No início de maio, a comissão parlamentar de Saúde aprovou quatro audições sobre as condições financeiras e de funcionamento do INEM, incluindo a da ministra da Saúde, na sequência de requerimentos apresentados pelas bancadas do Chega e do PSD.

A pedido do Chega, os deputados vão ouvir a ministra Ana Paula Martins, enquanto o PSD solicitou as audições dos presidentes do INEM, do Sindicato dos Técnicos de Emergência Pré-Hospitalar e do Colégio da Competência em Emergência Médica da Ordem dos Médicos.

O presidente do INEM vai prestar esclarecimentos aos deputados sobre esta matéria na terça-feira, enquanto no dia seguinte, quarta-feira, será a vez de Ana Paula Martins ser ouvida na comissão parlamentar.

O Chega alegou que, de acordo com “informações veiculadas pela imprensa”, o INEM enfrenta uma “grave crise financeira, que compromete a sua capacidade de manter em funcionamento a rede” de ambulâncias e de helicópteros que são acionados nas situações de emergência médica.

A bancada social-democrata justificou o seu pedido de audições com a “inegável degradação dos meios materiais” do INEM, que tem “prejudicado a prestação de socorro de emergência” às populações.

O INEM é o organismo do Ministério da Saúde responsável por coordenar o funcionamento do Sistema Integrado de Emergência Médica em Portugal continental.

No final de agosto de 2023, o presidente do INEM, Luís Meira, foi reconduzido no cargo para um novo mandado de cinco anos pelo Ministério da Saúde, mas esta decisão mereceu a contestação das associações de técnicos de emergência médica e de agentes de proteção civil, que têm pedido uma comissão parlamentar de inquérito ao serviço de socorro prestado pelo instituto.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Há condições para o Orçamento da Região ser aprovado esta semana?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas