MADEIRA Meteorologia

Calor extremo causa 62 mortos no norte da Índia

Data de publicação
01 Junho 2024
12:58

O calor extremo causou a morte de 62 pessoas no norte da Índia, incluindo dezenas de funcionários eleitorais, quando o país realiza a fase final das eleições gerais.

As mortes ocorreram nos estados de Bihar, Odisha, Uttar Pradesh e Jharkhand, segundo as autoridades indianas, tendo ainda sido registada uma morte na capital, Nova Deli.

Grande parte do norte do país asiático continua em alerta para temperaturas elevadas superiores a 45 graus Celsius em muitas cidades, de acordo com o Departamento Meteorológico da Índia (IMD).

Espera-se que as condições da onda de calor comecem a dissipar-se em grande parte do país nos próximos dias, coincidindo com a chegada da monção no sul e nordeste da Índia.

As temperaturas elevadas marcaram as eleições gerais na Índia, que tiveram início a 19 de abril e cujos resultados são esperados na terça-feira.

O primeiro-ministro, Narendra Modi, um hindu, está a tentar um terceiro mandato consecutivo contra uma aliança de partidos da oposição liderada pelo histórico Partido do Congresso.

As eleições gerais na Índia, o país mais populoso do mundo com 1,4 mil milhões de habitantes, envolveram quase 970 milhões de eleitores para eleger os 543 membros da câmara baixa do parlamento.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Quem vence o Campeonato Europeu de Futebol?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas