MADEIRA Meteorologia

Projeto ‘Liga-nos o Talento’ entrega bolas e 2 mil euros à AFM

Data de publicação
05 Dezembro 2023
18:01

Nuno Gomes, vogal do CA da Fundação do Futebol – Liga Portugal, fez hoje a entrega de bolas e de um cheque de dois mil euros ao presidente da Associação de Futebol da Madeira.

A Fundação do Futebol – Liga Portugal, com o apoio institucional da Missão Continente, está a percorrer o País para oferecer bolas e um apoio financeiro no valor de dois mil euros a cada uma das 22 Associações Distritais e Regionais (ADR), uma forma de sublinhar o reconhecimento pelo trabalho que desenvolvem junto dos jovens. A importância deste tributo ao futebol de base, berço do talento, fica ilustrada por natureza, na terra onde nasceu Cristiano Ronaldo.

Liga-nos o Talento é a expressão da união entre o Futebol Profissional e o Não Profissional, condição natural e essencial para o desenvolvimento dos atletas. Nuno Gomes, vogal do Conselho de Administração da Fundação do Futebol, foi quem fez a entrega simbólica de 20 bolas e de um cheque de dois mil euros em cartão a Rui Marote, presidente da Associação de Futebol (AF) da Madeira, na loja Continente Modelo Madeira Shopping, no Funchal, onde também estiveram Helena Pires e Vasco Pinho, CEO e diretor executivo da Liga Portugal, respetivamente, e Duarte Oliveira, diretor do Departamento da Juventude e Desporto da Câmara Municipal do Funchal.

“Muito orgulhoso e feliz” por estar, pela primeira vez, numa iniciativa deste roteiro agregador do Futebol Profissional e Não-Profissional que arrancou em novembro, em Bragança e Vila Real, e passou já por Aveiro, Porto, Portalegre, Castelo Branco, Viana do Castelo, Braga, Guarda, Viseu e Açores, Nuno Gomes sublinhou a necessidade de nutrir o futebol de base onde, em miúdo, começou a sonhar em ser goleador... como Fernando Gomes, o ídolo de quem viria a herdar o apelido profissional: “É de louvar este projeto entre a Liga e o Continente que visa, acima de tudo, ajudar as ADR. É nas associações que tudo começa, a nível do futebol amador, de formação; são elas quem organiza os campeonatos onde começou a maior parte dos jogadores que representam, hoje, a Seleção Nacional, por exemplo. Eu comecei num clube da terra, neste caso, o Amarante, que pertence à Associação de Futebol do Porto, e também me lembro que, muitas vezes, tínhamos reuniões com os responsáveis da associação. É importante a Liga olhar para onde tudo começa e mais uma vez, está de parabéns pelo trabalho realizado. É objetivo da Liga dar cada vez mais apoio às associações, ao crescimento dos atletas, para que desenvolvam as suas capacidades da melhor maneira.”

Vasco Pinho, diretor executivo da Liga Portugal, reforçou as “vantagens enormes” deste “projeto singular”: “Permite unir duas vertentes do futebol nacional. Por um lado, temos o futebol profissional, representado pela Liga Portugal, através da Fundação do Futebol e, por outro lado, as ADR, que são a origem de todos os jogadores. Esta ligação acaba por trazer vantagens enormes, se pensarmos que estamos numa liga que cria talento. Ora, esse talento vem daqui. Então, esta ação acaba por simbolizar a união entre o futebol profissional e o futebol distrital e redunda no que têm sido os mandatos do presidente Pedro Proença, que tem tido uma preocupação constante com a interligação de todos os agentes do futebol, desde a base ao topo, todos unidos em torno de um único objetivo: conseguir que o futebol profissional seja cada vez melhor.”

Rui Marote, presidente da Associação de Futebol da Madeira, reforçou a importância deste gesto: “É importante para a AF Madeira, como para todas as outras associações. Os apoios são sempre bem-vindos, porque estamos a tratar da área da formação. Nós, felizmente, ao longo destas últimas épocas, temos tido um crescimento bastante significativo nos escalões de formação. Temos as nossas seleções de formação, que vão utilizar este apoio nalgumas das nossas iniciativas, ao longo de toda a época desportiva.”

Duarte Oliveira, diretor do departamento da juventude e desporto da Câmara Municipal do Funchal, elogiou o projeto: “Todas as iniciativas que tragam apoio ao futebol de base são sempre bem-vindas. Pela parte do município, vamos continuar a apoiar a juventude, essa é uma das bandeiras do nosso presidente. O futebol é uma modalidade exemplar, transversal, e que permite essa partilha. Resta-me agradecer a iniciativa.”

Vítor Ribeiro, responsável de loja do Continente Modelo Madeira Shopping, anfitrião desta iniciativa, destacou a sintonia de objetivos que está na origem do Liga-nos o Talento: “É um orgulho receber na nossa casa esta iniciativa da Fundação do Futebol. A Missão Continente, representante de todas as iniciativas de responsabilidade social do Continente, faz todo o sentido estar presente neste projeto que visa ajudar as associações de futebol locais, onde são incutidos nos jovens os valores do futebol positivo.”

OPINIÃO EM DESTAQUE
Gestor do Europe Direct Madeira
29/02/2024 08:00

O mês que agora termina fica indubitavelmente marcado pelos debates televisivos em catadupa, embora a música não tenha fugido muito ao que era esperado:...

Ver todos os artigos

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

O que se segue à demissão de Miguel Albuquerque?

Enviar Resultados
RJM PODCASTS

Mais Lidas

Últimas