E tudo a pandemia justificou!

Quem não se recorda da Diretora Geral de Saúde há 1 ano a dizer que o vírus nunca chegaria a Portugal?

Quem não se recorda do milagre português do combate à pandemia?

Quem não se recorda de “isto está tudo controlado”?

Quem não se recorda dos 500 ventiladores que vinham da China?

É verdade… Tudo isto nos lembrámos. Pura ilusão!

O que temos de nos recordar é o seguinte:

• Os Estados investiram cerca de 8 mil milhões euros nas vacinas para Covid-19. Portugal gastou 6 mil milhões no BPN e não se sabe qual o retorno que houve para os portugueses, se ao menos tivesse desenvolvido um antibiótico ou algo assim, mas nem uma aspirina fizeram.

• Portugal vai injetar quase 2 mil milhões na TAP ou como o Tino de Rans diria: TAL (Transportadora Aérea de Lisboa) e com mais de 750 trabalhadores despedidos e mais não sei quantos com cortes de ordenados. Logo o investimento do Estado será muito superior em subsídios de desemprego e etc...

• Portugal vai injetar cerca de 500 milhões de euros em Bancos falidos. Já as empresas que sofreram ou sofrem a nada terão direito.

Alguém já pensou o quanto Portugal podia e devia apoiar as famílias? O quanto de milhões são mal distribuídos? Onde são sempre os mesmos a receber? A banca, empresas dos regimes… Não se cria riqueza, não se cria postos de trabalhos, não se cria soluções para um Portugal e, acima de tudo, não se criam famílias!

Já as empresas, mesmo em layoff, têm impostos para pagar, bem como ordenados e fornecedores. Algumas que faturaram ao Estado têm o IVA para pagar de faturas que nunca foram pagas, outras têm taxas e mais taxas, IRS, IRC, Segurança Social... E o mais importante: sem capacidade para pagar ordenados dos seus fiéis colaboradores. O que faz o Governo? Tem dívidas às finanças? Não pode receber apoio. Tem dívidas à Segurança social? Não pode receber apoio. E se esse apoio fosse para pagar esses impostos? Se calhar resolvia alguns dos problemas.

Não se pode esperar muito de 2021, desenganem-se aqueles que pensam que em 2021 tudo vai melhorar. Não vai, caros leitores.

Em 2021 teremos uma das piores crises que o Mundo viverá. Para quem vive do turismo, a vida será mais complicada, pois é necessário recuperar a confiança das pessoas!

Não sou astrólogo, não consigo fazer uma previsão para este ano. E também não sendo astrónomo pergunto: o alinhamento de Júpiter com Saturno pode prejudicar a Terra? Como é óbvio nesta coisa dos astros nunca fiando, mas, com estes nossos políticos podemos ter a confiança que tudo irá correr mal, mas todos se irão autoelogiar a dizer que fizeram o melhor para Portugal e para os portugueses, tudo só não foi possível devido à conjuntura internacional… e à pandemia!

O habitual!

Deixo algumas sugestões de frases para os nossos políticos e que em ano de autárquicas pode servir:

• Fizemos o melhor que foi possível, a pandemia bloqueou-nos todos os projetos.

• Demos o nosso melhor pela saúde, conseguimos evitar que a tragédia fosse maior, precisamos do vosso voto para melhorar.

• As pessoas sabem o quanto nos esforçamos e fizemos por todos, a covid-19 não nos permitiu mais.

Resumindo, basta proclamar que fizeram tudo o que estava ao alcance e só não fizeram mais porque não deixaram. Podem também dizer que foi a oposição da esquerda ou da direita.

2020 foi mau, mas 2021 trará a descoberto toda a nossa fragilidade enquanto civilização e enquanto país e enquanto insulares.