Horários do Funchal já pede Certificado de Vacinação ou teste à covid-19 nos autocarros

Carla Ribeiro

A Empresa Horários do Funchal já está a pedir aos passageiros para que apresentem Certificado de Cacinação ou teste negativo à covid-19.

Isto mesmo confirmou o JM esta manhã. Na carreira nº 8, o motorista solicitou a todos os que entravam na viatura, um dos dois documentos. Muitos começaram a protestar, conforme nos contou um passageiro. O motorista terá explicado que a partir de sábado, dia 27 de novembro, é preciso mesmo ter um desses documentos à mão para poder usar os transportes públicos de passageiros. Até lá, os funcionários vão sensibilizando. Nenhum dos que não estavam preparados para a necessidade de apressntar o documento, ficou por terra. Mas os alertas vão sendo feitos. No último sábado, primeiro dia em que as novas medidas de contenção da pandemia deveriam ter entrado em vigor [o Governo Regional deu mais uma semana de adaptação por parte das entidades e da população em geral], já os autocarros da HF tinham informação afixada em janela visível junto à porta de entrrada do autocarro, sobre a necessidade de ser apresentado teste covid-19 negativo, com periodicidade semanal ou Certificado de Vacinação.

Recorde-se que, tal como anunciou ontem o secretário regional de Saúde e Proteção Civil, em conferência de imprensa, Pedro Ramos mantém, esta manhã, uma reunião com os responsáveis de grandes superfícies comerciais para serem prestados esclarecimentos e tiradas todas as dúvidas parte a parte.