MADEIRA Meteorologia

Pequim adverte que busca pela independência é “um beco sem saída” para Taiwan

Data de publicação
20 Maio 2024
9:40

A China advertiu hoje que os esforços para alcançar a independência conduziriam Taiwan a um “beco sem saída”, após a tomada de posse do novo líder do território, William Lai.

”A independência de Taiwan é um beco sem saída”, afirmou o porta-voz do Ministério dos Negócios Estrangeiros chinês, Wang Wenbin, em conferência de imprensa.

”Independentemente da forma ou da bandeira que assuma, a busca da independência e da secessão de Taiwan está condenada ao fracasso”, acrescentou o porta-voz.

O território de 23 milhões de habitantes opera como uma entidade política soberana, com diplomacia e exército próprios, apesar de oficialmente não ser independente.

Pequim considera Taiwan parte do seu território e já avisou que uma proclamação formal de independência seria vista como uma declaração de guerra.

Lai foi descrito por Pequim como um “separatista perigoso” pelas suas declarações anteriores a favor da independência de Taiwan, embora o novo líder tenha suavizado a sua retórica e, no discurso da tomada de posse se tenha comprometido a manter o status quo, que preserva a soberania de Taiwan sem declarar formalmente independência.

Antes da tomada de posse de Lai, o Gabinete para os Assuntos de Taiwan do Conselho de Estado (Executivo) chinês declarou que “a independência de Taiwan e a paz no Estreito” eram “como a água e o fogo”.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Considera que o novo governo vai cumprir o mandato?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas