MADEIRA Meteorologia

Papa pede desculpa por uso de palavra insultuosa para designar a comunidade gay

Data de publicação
28 Maio 2024
20:42

O Papa Francisco pediu hoje desculpa por ter usado um termo italiano vulgar e insultuoso contra os gays durante um encontro privado com bispos italianos.

“O Papa nunca teve a intenção de ofender ou de se exprimir com uma linguagem homofóbica e pede desculpa àqueles que se sentiram ofendidos pelo uso de uma palavra”, afirmou o Vaticano numa breve declaração citada pela agência de notícias francesa France-Presse (AFP).

Em causa está o uso de palavra “frociaggine”, que é uma derivação de “frocio”, um insulto que significa “maricas” em romano, refere a AFP.

A palavra foi usada pelo pontífice de 87 anos a 20 de maio, durante um encontro à porta fechada com 250 bispos da Conferência Episcopal Italiana (CEI).

O Papa apelou a que os bispos não acolhessem pessoas abertamente homossexuais nos seminários religiosos, argumentando que já existiam demasiados “frociaggine”.

Estas observações foram divulgadas na segunda-feira por vários jornais italianos, provocando alguma deceção e indignação entre os grupos de defesa dos direitos LGBT+, até porque Francisco vinha mostrando alguma abertura em relação a esta comunidade.

Vários bispos defenderam que o papa argentino, cuja língua materna é o espanhol, não se apercebeu da conotação negativa da palavra usada.

Hoje, o Vaticano recordou que Jorge Bergoglio já por várias vezes defendeu que “na Igreja, há lugar para todos, para todos! Ninguém é inútil, ninguém é supérfluo, há lugar para todos”.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Considera que o novo governo vai cumprir o mandato?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas