Proposta do PSD para a construção de ‘Túnel falso’ na escarpa da Queimada em Água de Pena foi aprovada

Os vereadores do PSD eleitos pela coligação ‘Juntos Somos Machico’ apresentaram, hoje, em reunião camarária, uma proposta de recomendação que sublinha a necessidade do Executivo Municipal garantir, na maior celeridade possível, “uma intervenção robusta na encosta do Caminho da Queimada”, de modo a salvaguardar a segurança de pessoas e bens naquela que é uma das principais ligações entre a freguesia de Água de Pena e Machico, recorrentemente afetada pelo despreendimento de pedras sempre que existe precipitação.

Uma solução que, segundo a vereação do PSD, obriga a um estudo de viabilidade para a construção de um” falso túnel” que, segundo os especialistas, representa uma solução eficaz e não compromete a esplendorosa vista sobre a baía e o vale de Machico, proposta que acabou por ser aprovada na reunião desta quinta-feira, com a abstenção do Executivo Municipal.

“Esta é uma situação que nos preocupa e que, infelizmente, tarda em merecer a atenção e a ação deste Executivo, mesmo sabendo que está em causa a segurança da população que lhe compete acautelar” afirma o vereador Norberto Ribeiro, que vai mais longe ao afirmar que “não basta proceder à limpeza da estrada e que é fundamental que se encontre uma solução definitiva e que não se espere para que aconteça uma desgraça então para agir”, sublinhando a importância desta proposta ter sido aprovada “atendendo a que é o bem comum que está em causa e que deve estar, sempre, acima de quaisquer outros interesses”.

É preciso notar, reforça Norberto Ribeiro, que existem Fundos Comunitários disponíveis para este tipo de intervenção e que, aliás e a fim de mitigar estes problemas de segurança para a circulação de pessoas e bens, o Executivo Municipal já devia ter efetuado um estudo exaustivo às escarpas e taludes de todo o concelho para candidatar-se a estes fundos, seja por via do próximo Quadro Comunitário de Apoio ou por via do Plano de Recuperação e Resiliência no sentido de adquirir verbas que permitam as obras necessárias.

“Não podemos continuar a ter um Executivo Municipal que se limita a aprovar regulamentos e que mais não faz do que dar seguimento à gestão corrente do Município, quando temos tantos problemas por resolver e, infelizmente, aquilo que continuamos a constatar é que não existe nenhuma intervenção de fundo ou que seja verdadeiramente positiva para a população de Machico”, remata o vereador, que aguarda, depois desta aprovação, novos desenvolvimentos.