MADEIRA Meteorologia

Problema no seletor das velocidades atrasou Miguel Oliveira em Itália

Data de publicação
02 Junho 2024
22:26

O piloto português Miguel Oliveira (Aprilia) revelou ter tido um problema com o patim das velocidades que o atrasou no Grande Prémio de Itália de MotoGP, sétima prova da temporada, que terminou hoje no 14.º lugar.

O piloto luso, que partiu da 11.ª posição, cortou a meta a 23,292 segundos de Francesco Bagnaia (Ducati), que bateu o compatriota Enea Bastianini (Ducati) por 0,799 segundos, com o espanhol Jorge Martin (Ducati) na terceira posição, a 0,924 segundos do vencedor.

“Foi uma corrida longa. Estava com um bom ritmo no final, muito constante. A quatro voltas do final, aproximei-me do Raúl [Fernández] e, quando ia ultrapassá-lo, fiquei preso na quinta velocidade”, explicou.

Miguel Oliveira acabou por não conseguir ultrapassar o colega de equipa, perdendo mesmo uma posição para o italiano Marco Bezzecchi (Ducati).

“Não sei se foi um problema na caixa de velocidades ou, o que é mais provável, no seletor, porque não voltou a acontecer”, frisou o piloto natural de Almada.

Oliveira adiantou ainda que, durante a corrida, enfrentou “mais ou menos os mesmos problemas que tinha tido ao longo do fim de semana”, sobretudo dificuldade em fazer “as curvas rápidas” e com a inclinação.

“Estou desiludido, a equipa tentou dar-me uma solução, mas não encontrámos a melhor resposta. Hoje, sofremos um bocado. Espero poder trabalhar para resolver estes problemas amanhã [segunda-feira]”, frisou o português.

Esta segunda-feira, disputa-se um dia de testes em Mugello.

Com os resultados deste domingo, Miguel Oliveira baixou ao 15.º lugar do campeonato, com 31 pontos.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Quem vence o Campeonato Europeu de Futebol?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas