MADEIRA Meteorologia

Euro2024: Ronaldo continua com veia goleadora, mas falhou principais títulos

Data de publicação
11 Junho 2024
10:23

O futebolista português Cristiano Ronaldo continuou a demonstrar a sua veia goleadora em 2023/24 ao serviço dos sauditas do Al Nassr, com 50 golos apontados, mas a equipa falhou a conquista dos principais troféus.

Ronaldo, de 39 anos, apontou 50 golos em 51 jogos pelo Al Nassr, a que juntou ainda 13 assistências, e conquistou o título de melhor marcador do campeonato saudita, com 35 tentos na competição, o que constitui um novo recorde da competição.

O português, que também já tinha sido o melhor marcador do campeonato em Inglaterra, Espanha e Itália, consegue a distinção no quarto campeonato diferente, sendo Portugal - onde jogou apenas uma época na equipa principal do Sporting - a única exceção no currículo.

Para além dos golos apontados pelo emblema saudita, ao qual chegou a meio da época passada, Ronaldo marcou ainda mais cinco ao serviço da seleção portuguesa, o que aumenta o seu pecúlio para 55 golos em 57 partidas na temporada.

Apesar dos muitos golos de Ronaldo, o Al Nassr, treinado por Luís Castro e que também conta com outro internacional português, Otávio, que falha o Euro2024 por lesão, acabou por falhar a conquista do título, ao ser superado pelo Al Hilal, orientado por Jorge Jesus e com Rúben Neves na equipa, terminando em segundo no campeonato.

Já na Liga dos Campeões asiáticos, a formação saudita acabou por ‘cair’ nos quartos de final da competição, ao ser eliminada pelo Al Ain, dos Emirados Árabes Unidos, que foi depois o ‘carrasco’ do Al Hilal nas meias-finais da prova.

Quando à Supertaça saudita, o Al Nassr perdeu nas meias-finais, de novo frente ao Al Hilal, ao ser derrotado por 2-1, num jogo em que Cristiano Ronaldo acabou por ser expulso.

A equipa de Ronaldo, que conta ainda com nomes como Laporte, Alex Telles, Brozovic, Talisca ou Sadio Mané, conquistou apenas a Taça dos Clubes Campeões Árabes de futebol, disputada no início da temporada, depois de bater o mesmo Al Hilal na final por 2-1, após prolongamento, com dois golos apontados pelo avançado luso.

Na última partida da temporada, o Al Nassr voltou a enfrentar o Al Hilal, desta vez na final da Taça do Rei da Arábia Saudita, num jogo apenas decidido nas grandes penalidades e com novo triunfo para Jorge Jesus e companhia.

Ronaldo marcou a sua grande penalidade, mas viu o Al Nassr ser derrotado, terminando o jogo em lágrimas, inconsolável com a derrota sofrida.

Com muitos golos na época e poucos títulos, Ronaldo chega à sexta fase final de um Campeonato da Europa com a hipótese de voltar a conquistar o troféu, que Portugal conseguiu em 2016, na final frente à França, decidida com um golo de Éder no prolongamento.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Considera que o novo governo vai cumprir o mandato?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas