MADEIRA Meteorologia

TSD retiram proposta de cobrar IRS ao salário mínimo

Alberto Pita

Jornalista

Data de publicação
20 Abril 2024
12:12

Era uma proposta controversa, que o JM noticiou em primeira mão: os TSD trouxeram ao congresso uma moção setorial que previa a cobrança de IRS no salário mínimo, como forma de equilibrar a justiça fiscal e compensar o desagravamento que propunham para o IRS cobrado à classe média.

No discurso de abertura, Miguel Albuquerque falou sobre o assunto, para dizer que a moção dos TSD precisava de uma “retificação”, mostrando-se contra a cobrança de IRS nos salários mínimos.

Depois, Amilcar Gonçalves, primeiro subscritor da moção dos TSD, subiu ao palco e anunciou que retirava a proposta da inclusão do IRS no salário mínimo.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

O presidente do Marítimo tem condições para continuar no cargo após agredir um adepto?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas