MADEIRA Meteorologia

Il acusa CMF de não cumprir prazos a que se impõe

JM-Madeira

JM-Madeira

Data de publicação
14 Junho 2023
14:11

A Iniciativa Liberal, em comunicado, acusa a Câmara Municipal do Funchal de não cumprir os prazos a que se impõe. Em causa, está o novo regulamento para disciplinar o horário de funcionamento dos estabelecimentos comerciais da Zona Velha da cidade, que segundo a edilidade, estaria concluído até final de Abril.

"Estamos em Junho, passou Abril - data anunciada para a apresentação -, Maio e do dito regulamento não há nada. Zero. Nicles. Adiam, adiam, adiam, e quem lá vive desespera. No entretanto, notícia na comunicação social deu conta de que ou antes ou depois das eleições o Regulamento sai. Isto depois numa reunião com moradores ter sido dito que só para o ano seria possível regulamentar. Que as pressões eram muitas. O tempo vai passando e os moradores da Zona Velha desesperando. A agitação, o ruído, impedem que quem lá vive tenha direito ao seu descanso com qualidade", pode ler-se na nota.

O mesmo documento, acrescenta ainda a concluir que a Câmara Municipal do Funchal não aplica a lei. "Toda esta situação é vergonhosa e é tratada com desrespeito e indignidade. A CMF, o seu presidente e o vereador do pelouro não passam de incapazes, pois constantemente vergados aos interesses instalados. Não mandam nada na cidade e desrespeitam os seus munícipes. A CMF não aplica a lei. A CMF está, no que a este assunto diz respeito, do lado de fora da lei".

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Quem vai ganhar a Taça de Portugal?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas