MADEIRA Meteorologia

Autárquicas: RIR quer fiscalizar maioria absoluta do PSD em Câmara de Lobos

JM-Madeira

JM-Madeira

Data de publicação
06 Setembro 2021
12:33

A candidata do RIR à presidência da Câmara de Câmara de Lobos, Cátia Silva, destacou hoje a importância de exercer uma "ação fiscalizadora" do trabalho autárquico, num concelho liderado desde sempre pelo PSD com maioria absoluta.

"Governar com maioria absoluta não é bom para os munícipes", afirma Cátia Silva, em comunicado, reforçando que a sua candidatura visa "eleger alguém que possa fazer uma ação fiscalizadora ao trabalho autárquico".

O município de Câmara de Lobos é governado desde sempre pelo PSD com maioria absoluta, sendo o atual executivo composto por sete elementos, dos quais cinco são sociais-democratas, fruto dos 62,99% (9.931 votos) obtidos as últimas eleições autárquicas.

A candidata independente [não militante] do partido Reagir Incluir Reciclar (RIR) quer travar o poder absoluto do PSD através do reforço da ação fiscalizadora do desempenho do executivo.

"Para se fazer política não é preciso ser engenheiro ou doutor", afirma.

Cátia Silva, que tem 38 anos e é assistente operacional, sublinha que pretende fazer um "trabalho pela positiva", contribuindo, desse modo, para o desenvolvimento do concelho onde nasceu e reside.

A sua candidatura coloca o foco em áreas como a educação, a terceira idade, a agricultura e o emprego, defendendo escolaridade gratuita para todos os estudantes do concelho, apoio no pagamento de medicamentos para os idosos, ajudas aos agricultores ao nível do regadio e promoção de programas ocupacionais para os desempregados.

"No turismo, queremos garantir a segurança daqueles que visitam o concelho, proporcionando-lhes informação útil sobre todas as freguesias e o que estas podem oferecer a quem as visita", indicou.

A cabeça de lista do RIR defende, por outro lado, a abertura "urgente" de uma estrada entre as freguesias do Jardim da Serra e Curral das Freitas, uma vez que esta última está isolada do restante concelho, pois a circulação rodoviária só é possível via Funchal.

"Estes são alguns dos compromissos que faço com os eleitores de Câmara de Lobos, não descurando outros que possam surgir, no decorrer da campanha", refere Cátia Silva, reforçando: "Conto com todos os câmara-lobenses e farei o meu melhor para vos retribuir, no caso de me confiarem o voto".

O município de Câmara de Lobos é constituído por cinco freguesias - Câmara de Lobos, Estreito de Câmara de Lobos, Jardim da Serra, Quinta Grande e Curral das Freitas - e tem cerca de 32.175 habitantes, de acordo com os dados preliminares do Censos 2021.

O executivo camarário é presidido pelo social-democrata Pedro Coelho, que se recandidata a um terceiro mandato.

Para as eleições autárquicas de 26 de setembro estão também anunciadas neste concelho as candidaturas de Amílcar Figueira (CDS), Jacinto Serrão (PS), Miguel Ganança (JPP), Marco Fernandes (CDU), Dalila Nunes (PTP), Marco Ferro (Chega) e Ricardo Camacho (coligação Voz Câmara de Lobos - PDR, MPT e Aliança).

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

O presidente do Marítimo tem condições para continuar no cargo após agredir um adepto?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas