MADEIRA Meteorologia

Artigo de Opinião

Presidente do Instituto das Florestas e Conservação da Natureza

8/05/2024 08:00

A Festa da Flor é, claramente, um dos maiores cartazes turísticos da Madeira. Não só pelos proveitos que proporciona, mas pelo envolvimento transversal da comunidade e por toda a sua beleza.

É algo que nos é intrínseco, por tudo aquilo que representa: paz, esperança, cor, beleza, natureza, mas, também, porque associamos sempre as flores à imagem de marca da promoção turística da Ilha.

É neste contexto que o Instituto das Florestas e Conservação da Natureza (IFCN) se associa à realização da Festa da Flor, uma vez que sobressai nas inúmeras e distintas colorações, o verde das ramagens e das plantas.

Esse verde constituído por ramagem de árvores exóticas e inúmeras plantas, é todo ele cedido gratuitamente pelo IFCN às inúmeras associações sem fins lucrativos e organismos públicos responsável pela dinamização deste cartaz turístico.

Além da inúmera ramagem também são cedidas a título de empréstimo inúmeras plantas produzidas nos viveiros florestais, plantas essas que adornam os inúmeros espaços públicos e exposições que nesta altura turística, tornam-se sítios obrigatórios de passagem de pessoas, quer residentes quer turistas, e que dignificam a nossa flora madeirense única no mundo, este ano festejando os 25 anos do título de Floresta Laurissilva Património Mundial Natural da Unesco.

Imagine-se o que seria do Muro da Esperança sem o verde de fundo, o que seria dos inúmeros tapetes florais sem o verde de fundo, o que seria dos inúmeros carros alegóricos sem o “manto verde” que os cobre, e o que seria de inúmeras exposições sem o verde das inúmeras plantas.

Esta é a outra face da Festa da Flor que passa despercebida à maioria das pessoas e que tem um papel fundamental no sucesso deste cartaz turístico, sendo assegurado pelo IFCN através de uma gestão responsável, sustentável dos recursos florestais da nossa região. Enalteço e agradeço o trabalho incansável dos funcionários do IFCN que estão envolvidos em todo este processo com elevado espírito de missão. Desde os Assistentes Operacionais, Técnicos e Dirigentes que dão o seu melhor, sempre disponíveis trabalhando muitas vezes fora de horas e com condições meteorológicas adversas para que tudo esteja pronto a tempo.

Sabemos bem qual o nosso papel enquanto organismo público com responsabilidades na gestão dos espaços florestais e procuramos, ao longo do ano, fazer uma adequada gestão dos recursos existentes, de forma que exista disponibilidade, em quantidade e qualidade suficiente, para a dimensão da festividade.

Entendemos que o caminho deve-se centrar numa gestão integrada, onde as pessoas, os seus usos e costumes são respeitados e valorizados, em plena articulação com as políticas de conservação e fruição da natureza e das florestas.

É nesse contexto, que vamos continuar a desenvolver as políticas que consideramos mais adequadas para a floresta que se encontra sob gestão do Governo Regional através do IFCN, em consonância com o que se encontra estabelecido nos documentos estratégicos aprovados para o sector, contando com a colaboração de todos, na preservação de um bem que é usufruído por todos.

Ainda no contexto da Festa da Flor e na ligação da Floresta Laurissilva com outros aspetos da nossa visa quotidiana, refiro, um dos locais de passagem obrigatória ao longo deste mês que é o Pavilhão do Artesanato Regional e da Floresta Laurissilva na Praça do Povo.

Promovido pela Secretaria Regional de Agricultura e Ambiente (SRAA) numa parceria entre o Instituto de Florestas e Conservação da Natureza e o Instituto do Vinho, do Bordado e do Artesanato da Madeira foi idealizado este espaço que destaca a ligação desta floresta e a sua aplicação prática na elaboração de diversas peças artesanais genuínas e representativas das artes e ofícios regionais.

Assim aqui ressalva-se um outro aproveitamento nobre da Floresta através das suas madeireiras nos instrumentos musicais nos embutidos e em diversos utensílios decorativos e funcionais para o nosso dia a dia.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Considera que o novo governo vai cumprir o mandato?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas