MADEIRA Meteorologia

Artigo de Opinião

Nutricionista

10/05/2021 08:00

É em maio e junho, que a maioria das pessoas começa a refletir no seu peso e imagem corporal. Os abusos que se foram acumulando ao longo dos meses estão perto de serem colocados à vista, por isso, para muitos, o objetivo é, sem dúvida, perder peso.

Para fazer face a esta procura, também é nesta altura que, naturalmente, surgem mais anúncios de programas que auxiliem as pessoas a obterem resultados, hoje em dia, principalmente, nas redes sociais.

A questão que se coloca é – Quem é que está a anunciar o programa de perda de peso? – e mais – Quem quer emagrecer não olha a meios para atingir os fins?

É algo que, efetivamente, deve ser tido em consideração! 

Quem já não abriu as redes sociais e encontrou promessas de perda de peso em poucos dias, receitas milagrosas, programas para encontrar o corpo perfeito e, inclusive, planos com receitas e planos pouco calóricos?

Felizmente e infelizmente, basta falarmos do assunto que já nos aparecem páginas recheadas de informação sobre dietas de emagrecimento. Felizmente, porque é bom termos acesso a essa mesma informação, de forma rápida e gratuita e infelizmente, porque, na maioria das vezes, não existem filtros, nem a compreensão para perceber o que está certo ou errado!

Da minha experiência, para muitas pessoas, perder peso pode tornar-se um ato de desespero, principalmente, quando estão a vida toda em dietas “yo-yo” ou quando vivem num círculo social onde a imagem corporal é vista como forma de discriminação.

Mas para quem quer viver no mundo da nutrição, não acho correto que se aproveite disso para faturar desonestamente, nem acho correto que se tente ajudar sem sequer ter formação suficiente para isso!

Não vamos ludibriar as pessoas. No mínimo, vamos tentar ajudá-las de forma saudável, fazê-las entender o seu corpo e emoções com o suporte da psicologia e aí sim atingir resultados felizes e duradouros!

Para quem quer perder peso, procure um profissional certificado, que esteja na ordem dos nutricionistas! Siga na internet, páginas de profissionais da área e que realmente estudaram nutrição e sabem do que estão a falar, caso contrário, correm o risco de serem enganados e porem em causa a vossa saúde!

Falando da internet, é bom que todos possamos promover dicas de estilos de vida saudáveis, mas não nos vamos esquecer que influencers, PT’s e outros profissionais, inclusive de saúde não são nutricionistas, assim como nutricionistas não são psicólogos, nem prescrevem exercícios, nem são experts em medicina geral.

Não se esqueçam que muitos anúncios criados, são apenas estratégias de marketing estudadas para manipular quem está emocionalmente mais vulnerável ou desesperado para perder peso e com isso, vender programas que têm como objetivo apenas faturar!

Por mais informação que se consiga atingir, na realidade é desinformação e muitas vezes, um rombo no orçamento e pior, na saúde!

Serão essas dietas, sem suporte profissional, sustentáveis ao longo do tempo? A resposta é não! E a realidade é que para o ano apenas estarão à caça das dietas, outra vez!

Termino a dizer que também existem boas dicas, bons programas, boas páginas sobre nutrição, que são fontes seguras e acreditadas! São essas que devem garantir que seguem e acreditam!

Não se deixem enganar e desinformar, pela vossa saúde!

OPINIÃO EM DESTAQUE
Coordenadora do Centro de Estudos de Bioética – Pólo Madeira
11/04/2024 08:00

A finitude da vida é um tema que nos confronta com a essência da nossa existência, levando-nos a refletir sobre o significado e o propósito da nossa passagem...

Ver todos os artigos

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Concorda com a mudança regular da hora duas vezes por ano?

Enviar Resultados
RJM PODCASTS

Mais Lidas

Últimas