MADEIRA Meteorologia

Europeias: IL quer estar com Zelensky em Portugal para lhe manifestar “apoio inequívoco”

Data de publicação
27 Maio 2024
16:15

O cabeça-de-lista da Iniciativa Liberal ao Parlamento Europeu revelou hoje estar “a fazer os possíveis” para estar com o Presidente da Ucrânia, que visita Portugal na terça-feira, e manifestar-lhe o “apoio inequívoco” do partido.

“Posso-lhe adiantar que estou a fazer os possíveis para tentar estar com o Presidente da Ucrânia na visita a Portugal não só porque faz agora um ano que estivemos juntos em Kiev [Ucrânia], mas também porque se dá a circunstância de Volodymyr Zelensky ser presidente de um partido que é irmão da Iniciativa Liberal”, afirmou João Cotrim de Figueiredo no final de uma arruada, em Lisboa, ação que marcou o arranque oficial da campanha para as eleições europeias.

O Presidente da Ucrânia vai visitar Portugal na terça-feira e terá encontros com o chefe de Estado português, Marcelo Rebelo de Sousa, e o primeiro-ministro, Luís Montenegro, anunciou hoje a Presidência da República Portuguesa.

O candidato liberal, que neste primeiro dia de campanha se faz acompanhar do presidente da IL, Rui Rocha, garantiu “apoio inequívoco” à luta da Ucrânia.

Além de “apoio inequívoco”, João Cotrim de Figueiredo manifestou “toda a solidariedade” aos ucranianos na defesa da sua soberania territorial e política.

“Eu gostava de dizer isso de viva voz a Volodymyr Zelensky, um herói para o povo ucraniano”, salientou.

Por seu lado, o presidente da IL considerou esta visita no âmbito de uma campanha eleitoral para as europeias “uma excelente oportunidade” para os portugueses refletirem.

Segundo Rui Rocha, há partidos, como a IL, que são claros no seu apoio à Ucrânia e na importância de resistir e vencer a guerra, sendo esse o “caminho certo”, depois há outros que defendem que aquele país deve ceder às pretensões da Rússia, o que é “francamente indesejável”.

A convite do Presidente da República e do primeiro-ministro, Volodymyr Zelensky estará em Portugal na terça-feira, lê-se numa nota publicada no sítio oficial da Presidência da República na Internet.

Segundo esta nota, divulgada simultaneamente pelo gabinete do primeiro-ministro, Luís Montenegro, “a visita de trabalho do Presidente Zelensky insere-se na intenção partilhada de aprofundar as excelentes relações entre os dois estados, com enfoque particular no reforço da cooperação no domínio da segurança e defesa”.

”Durante a estadia, o Presidente da Ucrânia terá reuniões de trabalho com o primeiro-ministro, Luís Montenegro, e será recebido pelo Presidente Marcelo Rebelo de Sousa”, acrescenta-se no texto.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Considera que o novo governo vai cumprir o mandato?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas