MADEIRA Meteorologia

Europeias: 60.603 emigrantes portugueses vão votar em candidatos do país onde vivem

Data de publicação
29 Maio 2024
15:13

Cerca de 60.600 eleitores portugueses a residir no estrangeiro optaram por eleger os eurodeputados dos países onde vivem, e não os portugueses, menos de metade dos que fizeram esta escolha nas anteriores europeias, segundo dados oficiais.

Fonte do Ministério da Administração Interna disse hoje à agência Lusa que 60.603 portugueses estão inscritos para votarem nas eleições para o Parlamento Europeu, a 09 de junho, mas nos candidatos dos países onde residem.

Os emigrantes portugueses na União Europeia podem optar entre votar nos candidatos portugueses ao Parlamento Europeu ou nos candidatos dos países onde vivem.

A França é o país onde foi mais significativa a escolha de portugueses por eurodeputados do país residente (36.191), seguindo-se o Luxemburgo (9.857) e a Espanha (6.592).

A mesma fonte indicou que dos 625.404 eleitores portugueses residentes na União Europeia e inscritos para este ato eleitoral, 564.801 vão eleger eurodeputados portugueses.

Nas anteriores europeias, a 26 de maio de 2019, 125.630 emigrantes portugueses optaram por se inscrever no recenseamento para a eleição de eurodeputados do país de residência, a maioria em França, Espanha e no Luxemburgo, de acordo com dados oficiais.

Cerca de 373 milhões de eleitores são chamados a escolher os 720 deputados ao Parlamento Europeu, nas eleições que decorrem nos 27 Estados-membros da União Europeia entre 06 e 09 de junho. Em Portugal, que elege 21 eurodeputados, o escrutínio está marcado para 09 de junho.

OPINIÃO EM DESTAQUE
Coordenadora regional do Bloco de Esquerda
19/06/2024 08:00

O PSD-M anda a convocar as forças terrenas e celestes - aparentemente, neste jardim plantado no Atlântico, até Deus está cansado da democracia (só pode...

Ver todos os artigos

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Considera que o novo governo vai cumprir o mandato?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas