“Maior desafio de Cafôfo será enfrentar o seu próprio partido”, diz conselheiro José Nascimento

David Spranger

José Nascimento, conselheiro na África do Sul, fez uma própria leitura do conteúdo do Fórum Madeira Global 2022, revelando “o que aqui se ouviu foi música para os meus ouvidos”.

“Tudo o que aqui foi dito, eu disse-o há 30 anos num congresso em que fui convidado. Não mudou nada”, disse Nascimento.

Constatando que “o Governo da República cuida de 10 milhões de portugueses e cabe ao secretário de Estado cuida de outros cinco milhões”, constatando que “as coisas não mudam porque ninguém quer mudar”.

E disse também que “o maior desafio que Paulo Cafôfo tem será enfrentar o seu próprio partido”, mas mostrando-se pouco crente que as questões prementes dos emigrantes se resolvam a curto prazo.

Antes, num outro âmbito, havia já desabafado que a continuar neste estado de coisas “daqui a 30 anos não há comunidades portuguesas”.