PSP faz identificação de três cidadãos por tráfico de estupefacientes

Redação

Nas operações foram apreendidas substâncias psicoativas que estão agora incluídas no quadro legislativo de referência que as criminaliza, sendo que a sua simples posse é proibida.

O Comando Regional comunica esta segunda-feira "a identificação de três cidadãos do sexo masculino, com idades compreendidas entre os 32 e os 39 anos, pela prática do crime de tráfico de estupefacientes". A mesma nota revela que as "ações policiais tiveram decurso durante o passado fim de semana na zona baixa da Cidade do Funchal, em especial nas noites de sexta e de sábado, tendo sido possível, para além da identificação dos suspeitos", realizar a apreensão de uma quatidade de droga. Além da identificação, os operacionais da PSP realizaram a "apreensão de 2, 77 gramas de Liamba, 31 doses individuais de uma substância psicoativa denominada por “Bloom” (Alpha PVP ou PHP) e ainda 60 doses individuais de outra substância psicoativa denominada por “Gorbymix” (MDMB-4en-PINACA). Foi ainda possível proceder à apreensão de 1.100 euros em dinheiro, o qual tudo indica ser proveniente da atividade ilícita do tráfico", revela a Polícia de Segurança Pública (PSP).

Os suspeitos foram constituídos arguidos e sujeito a termo de identidade e residência, sendo que o processo segue os seus trâmites junto dos serviços do Ministério Público do Tribunal Judicial da Comarca do Funchal.