MADEIRA Meteorologia

Albuquerque diz que exclusão do CDS de cartaz foi "lapso" e que será retirado

JM-Madeira

JM-Madeira

Data de publicação
18 Junho 2023
18:07

O presidente da Comissão Política do PSD-Madeira assumiu hoje que foi um "lapso" a ausência da sigla do CDS nos cartazes da coligação PSD-CDS "Somos Madeira" que concorre às eleições legislativas regionais e anunciou que os mesmos serão retirados amanhã, dia 19, e substituídos por outros alusivos à festa do Chão da Lagoa.

"Foi apenas uma questão de lapso, não foi mais nada", disse Miguel Albuquerque, momentos antes de assistir a um concerto sinfónico no Centro de Congressos da Madeira.

Há vários dias que a ausência da sigla do CDS nos cartazes espalhados pela Região incomodava os centristas, que questionavam se havia de facto uma coligação ou não, mas hoje o presidente do PSD-M negou que haja qualquer "mal-estar dentro da coligação".

"Não vale a pena inventarem discordâncias onde elas não existem. Está tudo em consonância", disse Miguel Albuquerque, acrescentando que "já estava previsto" que os cartazes espalhados com mensagens sobre o trabalho do Governo Regional seriam de "curta duração".

O presidente do PSD-Madeira adiantou ainda que os futuros cartazes de "pré-campanha e campanha" já terão as duas siglas dos partidos.

Notícia atualizada às 19:20

Alberto Pita

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

O presidente do Marítimo tem condições para continuar no cargo após agredir um adepto?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas