Conservatório representado no III Congresso Internacional MUSAM

O Conservatório – Escola Profissional das Artes da Madeira, Eng.º Luiz Peter Clode, irá estar representado, pelo investigador Paulo Esteireiro, no III Congresso Internacional da Comissão de Trabalho "Música e Estudos Americanos" (MUSAM) da Sociedade Espanhola de Musicologia, que decorre entre 14 e 16 de outubro, na emblemática Faculdade de Geografia e História de Santiago de Compostela, na Galiza.

O investigador irá apresentar uma comunicação intitulada "A Ilha da Madeira nas Rotas Musicais do Atlântico: do Final do Século XIX a Meados do Século XX", tendo os custos da deslocação sido financiados pelo Centro de Estudos de Sociologia e Estética Musical da Universidade NOVA de Lisboa.

Na sua comunicação, Paulo Esteireiro vai defender que, entre o final do século XIX e meados do século XX, o Funchal fez parte de rotas marítimas onde circulavam um conjunto elevado de músicos e companhias de artistas, que paravam na capital da Madeira, aproveitando para compensar os custos da viagem com atuações e outras atividades, como aulas de música. De igual modo, os músicos madeirenses também aproveitaram esses caminhos marítimos para conseguir contratos para atuar nos próprios barcos e noutros pontos dessas rotas. Entre as principais rotas, da qual a Madeira fez parte, seja como ponto de passagem, seja como ponto de destino, o investigador vai destacar na sua comunicação: as ligações a Lisboa e Porto; as rotas para Canárias e Açores; a rota para o Brasil (e restante América do Sul); e a rota para as colónias africanas portuguesas.