MADEIRA Meteorologia

PAN Madeira pede seriedade ao PS na questão da vinculação dos professores

Data de publicação
12 Abril 2024
14:14

O PAN Madeira, em comunicado, pede seriedade ao Partido Socialista relativamente à questão da vinculação de professores, dizendo essa “era uma das medidas explanadas no Acordo de Incidência Parlamentar com o PSD”.

O partido lembra que o acordo foi “largamente criticado” pelos socialistas, pelo que, conclui que “o objetivo do PS é única e exclusivamente o poder e não a melhoria da qualidade de vida dos madeirenses e porto-santenses.

“O PAN Madeira acredita mesmo que o comunicado lançado pelo PS peca pelo dia, devendo ter sido lançado do Dia da Petas. Segundo Paulo Cafofo, o voto dos partidos pequenos é inútil, mas seguramente o PAN é extremamente útil para rebuscar medidas que se baseiam em causas, progressistas, de diálogo, de ponderação e numa atitude que é de construção, totalmente contrária ao que o Partido Socialista nos habituou”, consideram.

O partido liderado na Madeira por Mónica Freitas sublinha que “defende, desde Setembro passado, a vinculação de todos os professores com três anos de serviço, defendendo ainda o fim das quotas para o 5.º e 7.º escalão na progressão da carreira docente”.

O PAN reitera que “esta é uma medida fundamental do seu programa, já pautada no programa de setembro último e que transita para o atual com ainda mais emprenho e dedicação”.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Quem vai ganhar a Taça de Portugal?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas