MADEIRA Meteorologia

Cafôfo diz estar na hora de “libertar a Região dos tentáculos” do PSD

Data de publicação
15 Maio 2024
15:42

O líder do PS-M, Paulo Cafôfo, defende a necessidade de se concretizar uma mudança na Madeira para “libertar a Região dos tentáculos do Governo do PSD”.

À margem de uma visita ao jardim de infância ‘o Golfinho’, o candidato apontou o PS como o “único partido capaz de virar a página e com soluções para os problemas dos madeirenses”.

O atual deputado no parlamento regional frisou que, ao longo destes quase 50 anos de Autonomia, temos tido um Governo Regional dos social-democratas “tentacular e que tem aprisionado a sociedade civil”.

“Nós precisamos de libertar a Região destes tentáculos deste Governo do PSD”, afirmou, sublinhando que o PS “tem um percurso feito de gente que nunca se vergou, que combate e não desiste, pelo que é chegado o momento de fazer a mudança acontecer”.

Paulo Cafôfo referiu que o PSD tem vindo a perder eleitorado nos últimos anos, recordando que em 2019 teve de se aliar ao CDS e que, em 2023, esta coligação já não foi suficiente e teve de se juntar ao PAN.

“Há aqui um partido – o PSD – que em estado continuadamente a perder e estou convicto que vai perder definitivamente no dia 26 de maio, porque o PS está neste momento em condições de virar a página e de podermos formar um Governo que possa significar uma mudança na Região”, vincou.

O candidato socialista sublinhou que se as pessoas querem, efetivamente, que a Região mude só têm uma hipótese, “que é votar no PS”. Ademais, alertou, à semelhança do que afirmou na sua entrevista ao JM, que votar em partidos mais pequenos como o Chega, a Iniciativa Liberal, o PAN ou o CDS será fazer com que o PSD e Miguel Albuquerque continuem no poder.

Educação de “excelência e gratuita”

No âmbito da visita que efetuou ao referido estabelecimento de ensino pré-escolar, Paulo Cafôfo destacou que a Educação será uma prioridade central se o PS for Governo.

“O nosso objetivo é que tenhamos uma educação de excelência e gratuita, desde a creche até à universidade”, afirmou o candidato socialista, apontando o compromisso do partido de garantir a gratuitidade das creches para todas as crianças da Região, uma medida que considera fundamental para apoiar as famílias, em particular da classe média, que muitas vezes querem dar o melhor aos seus filhos, mas têm dificuldades, devido aos baixos rendimentos.

Outra das propostas do PS é o fim das propinas para os estudantes madeirenses que frequentam o ensino superior, sendo este custo suportado pelo Governo Regional.

Para Paulo Cafôfo, esta é uma “aposta muito clara no presente, olhando para o futuro” por forma a qualificar a população com mais conhecimento e habilitações.

“Isto é importante e tem efeitos também na economia, porque, quando temos pessoas mais qualificadas, temos também empregos com salários mais elevados. É isso que nós pretendemos aqui na Região”, rematou.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

O presidente do Marítimo tem condições para continuar no cargo após agredir um adepto?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas