‘Diálogos Musicais’ com concertos, conferências e masterclasses

Catarina Gouveia

Uma dezena de atividades de acesso gratuito e online compõem o programa do segundo mês da iniciativa desenvolvida pela Associação de Bandolins da Madeira e pelo Instituto Moinho Cultural Sul-Americano.

Concertos, conferências e masterclasses preenchem um programa composto por uma dezena de atividades previstas para este mês de maio, que é o segundo do projeto ‘Diálogos Musicais Ibero-Americanos’.

Com o objetivo de promover a aproximação cultural entre a Europa e a América através da partilha de conhecimentos e experiências na área da música, a iniciativa é organizada pela Associação de Bandolins da Madeira (ABM) e pelo Instituto Moinho Cultural Sul-Americano. Os eventos promovidos através desta parceria decorrem entre abril e junho online, com transmissões através dos canais digitais no Facebook e Youtube da ABM e Moinho Cultural, sendo o acesso gratuito “a partir de qualquer parte do mundo”, destaca a organização.

A programação para este mês arrancou já no dia 7 com uma conferência com o mote ‘A ponte de diálogo entre luthiers e músicos como evolução e desenvolvimento da música’, e prossegue este sábado, 14 de maio, às 19h00, com o primeiro módulo da masterclass ‘Oficina da voz - O Canto, abordado de forma holística’, com Lidiane Duallibi. O segundo módulo da mesma masterclass pode ser acompanhado no domingo, dia 15, entre as 19h00 e as 21h00, e o terceiro no sábado, dia 21 de maio, também a partir das 19h00. De realçar que esta masterclass tem as inscrições já fechadas, mas poderá ser acompanhada online pelo público em geral.

Ainda este sábado, às 16h00, decorre a conferência ‘Instrumentos de Cooperação Ibero-Americana: Programa, Iniciativas e Projetos’, conduzida pela gestora cultural Natércia Xavier.

No próximo dia 21, ainda antes do encerramento da masterclass de Lidiane Dualibi, realiza-se às 18h00 um concerto protagonizado pelo Madeira Free Improvisation Community, que irá mostrar o projeto ‘Awakenings’.

A programação deste mês de maio encerra no dia 28, data em que o maestro brasileiro Eduardo Martinelli irá falar sobre ‘Arranjos orquestrais’, numa masterclass a decorrer entre as 16h00 e as 18h00. De seguida, às 19h00, realiza-se a conferência subordinada ao tema ‘Desafios da produção musical e cultural durante e pós-pandemia em contexto Iberto-Americano’, com Marcos Portinari e Lidiane Duailibi.

Já no dia 28, a fechar com chave de ouro este mês de iniciativas, o Moinho Cultural apresenta a orquestra com experiência internacional OCAMP, às 21h00.

O projeto com propostas todos os sábados até ao dia 25 de junho é apoiado pelo Ministério da Cultura, DGArtes, Instituto Camões, Funarte e Ibermusicas, e conta ainda com parceria do Portal das Artes e Ligra.