MADEIRA Meteorologia

Artigo de Opinião

Nutricionista

5/07/2021 08:00

E depois? Agora que começa o verão, o que é que acontece?

O que acontece é que a percentagem de pessoas que iniciou o seu plano com o propósito de emagrecer para o Verão e continua a frequentar as consultas, é mínima!

O sol chama ao convívio, à praia, às "patuscadas", aos gelados, à mariscada e à cervejinha gelada! Com um anoitecer tardio, todos os dias são propícios a um pequeno convívio ou passeio e a um belo manjar!

Coisas da vida que sabem bem, que eu própria também gosto. Aliás quem é que não gosta?

Mas a realidade é que acho que tem de haver alguma moderação! Parece que com a chegada do Verão, entramos em modo de comer à descrição… comer e beber, comer e beber e comer e beber!

Nos convívios quase diários, vai uma poncha ou um gin, umas cervejas nos intermeios, vinho à refeição, amendoins, queijos e enchidos, umas batatas-fritas, pão com manteiga, sobremesas e café com cheirinho para completar a refeição. É comer e beber e comer e beber e comer e beber!

E sabe bem? Claro que sim…eu já passei por isso e gosto!

Mas apesar de saber bem, temos de arranjar estratégias de autocontrolo para não ultrapassarmos os limites, essencialmente pela nossa saúde!

O mais preocupante ainda são as crianças! Para muitas, felizmente e infelizmente, as refeições mais saudáveis ainda são na escola.

Chegam as férias de Verão e as crianças voltam para a casa, passam o dia na televisão ou tablet ou computador. Para agravar, muitas crianças deixam de comer verduras e passam ao modo fast-food! Estão de férias, que mal é que faz?

Além disso, nos convívios, pede-se sempre para os meninos, umas batatinhas fritas, sumos, doces e gelados!

E se for preciso, comem um gelado, depois da praia todos os dias. E na fase nas birras… mais um geladinho como reforço para a criança parar de chorar! É comer doces e salgados e doces e salgados e doces e salgados! Sai "comida de plástico" à descrição, quase todos os dias!

Aqui lanço um apelo para que todos nós como pais, tenhamos a consciência do impacto de uma má alimentação no futuro! Já existem muitos estudos que comprovam o impacto negativo do consumo de sal e açúcar, pela criança, no seu futuro como adulto e inclusive das gerações futuras!

Os nossos filhos podem comer de vez em quando um doce ou um salgado, mas que isso não seja a regra! E, para que isso aconteça, que o "de vez em quando" seja também para toda a família, pois somos o que vemos e aprendemos a comer!

Algumas estratégias para o Verão e para todos incluem, beber água mesmo que não tenham sede, petiscar alimentos leves entre as refeições, apostar na fruta como sobremesa e preferir pão de sementes ou integral se opta por levar sandes para a praia. E, se tiver alguma patuscada ingerir um pequeno lanche, antes de sair de casa, para não chegar cheio de fome e atacar logo a comida!

Se acha difícil se moderar nesta época do ano, pode sempre procurar ajuda profissional. O papel do nutricionista vai muito além da perda de peso! Mesmo que atinja o seu peso antes do verão é necessário saber como mante-lo, como se organizar e como se regrar.

Divirtam-se no Verão com moderação e sejam felizes! Mas não se esqueçam que ainda estamos em contexto de pandemia e não de "patuscadas à descrição"!

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Qual o seu grau de satisfação com a liberdade que o 25 de Abril trouxe para os madeirenses?

Enviar Resultados
RJM PODCASTS

Mais Lidas

Últimas