MADEIRA Meteorologia

Artigo de Opinião

Médico-Dentista

7/05/2023 03:20

Cada um fazia o que queria. Se uns mandavam pagar o que o despedido pedia… Já outros combinavam, em comissões de inquérito, quem perguntava e o que se respondia. Ninguém parecia estar para respeitar hierarquias. Era um ver se te avias. Muito menos pensavam dar cavaco a alguém. Era só mesmo o que faltava, também. Pareciam os donos disto tudo. Estávamos metidos num caso bicudo. Por mais nomes que lhe quiséssemos dar, isto não passava de um fartote. Só lá ia com um chicote. Mas para minha surpresa, subiram a fasquia. Passámos a viver em monarquia!

Juro. Que não dê mais um passo. Pensem comigo. Poupem-me o embaraço.

Fui apanhado desprevenido. Quiçá embalados pela tão propalada coroação do Rei Carlos III no Reino Unido… Por cá também decidiram enfeitar a cabeça do nosso líder com novos contornos. Não, ainda não foi com um valente par de cornos. Peço perdão aos mais sensíveis. Desculpem-me a expressão, mas é que estou um pouco nervoso. Acho isto tudo muito penoso.

E, se os nervos me têm atacado de há uns tempos a esta parte, candidatando-me a um enfarte, pior fiquei desde as 20 horas de quinta. Porquê? Fizeram-me uma valente finta. Juro que pensei que o nosso Presidente Marcelo, depois de tanto ter ponderado, não fosse ficar calado. Que, pelo menos, nos dissesse algo diferente. Não tinha nada de mal. Não seria inconveniente. Mas falou, falou, falou… E no fim? Deixou tudo igual.

Fez aquilo que os entendidos dizem que não se deve fazer! Primeiro engrossou a voz parecendo que os ia mandar £0d&r (leia-se desaparecer). Depois? Depois deu-lhes um bombom! Mais valia eu ter tirado logo o som.

Fez, no fundo, o papel de bobo da corte. Entreteve o rei. Fê-lo rir. Recusou-se a, mais uma vez, convidá-lo a sair. Desta feita com uma particularidade… A plebe pôde assistir. Foi-lhe dada essa oportunidade. Resta ver se agora abrirão mais um inquérito. Saberia o senhor que estava a ser filmado? Não queria estar na pele do pobre funcionário. Coitado. Aposto que vai ser despedido. E sinceramente não é para menos! Quem mandou carregar no on sem ninguém ter pedido? Assim fomos obrigados a ouvir 3 pegas a falar dos chegas. Que deprimente. Qual delas a mais demente?

Eu bem sei que não sou ninguém para ensinar o Sr Professor, mas por mim falo. No lugar daquela canalha ficava com vontade de o testar novamente… Ver se ganhou calo. Olhem, ver se tem os frutos dos tomateiros no sítio. Ou se continua a assobiar para o lado como no processo crime do lítio. Sim, na altura já era o tal de Galamba. Desculpe tocar no assunto. Sei que ultimamente você está mais virado para o samba.

Resumindo e concluindo. Voltemos ao nosso mundo. Daqui em diante prestemos vassalagem ao Rei D António II. Se ao primeiro atribuíram o cognome de "o Determinado". Este terá, porventura, a nobre missão de dar por terminado. Não quero com isto agoirar. Longe de mim… Mas com tanto príncipe e princesa a surrupiar (para não dizer m@m#r), vai ser difícil o país não estoirar.

Ps, a Câmara Municipal do Funchal considera-o informado. O trânsito, à semelhança dos outros dias, hoje estará condicionado. De manhã é pelo atletismo e à tarde pelo desfile de veículos clássicos inserido nas festividades da Festa da Flor. Seja lá isso o que for…

Podia aqui tentar dizer quais as ruas que estarão total ou parcialmente fechadas? Podia. No entanto são tantas que se não sair com o carro, acredite, era o melhor que fazia. Isto só mesmo entre as 9 e as 19h. Depois já volta tudo ao normal. Vá lá. Colaborem. Não estejam sempre a dizer mal.

Pedro Nunes escreve ao domingo, todas as semanas

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Concorda com a mudança regular da hora duas vezes por ano?

Enviar Resultados
RJM PODCASTS

Mais Lidas

Últimas