MADEIRA Meteorologia

Primárias da oposição: Venezuelanos no exterior têm de atualizar dados até 7 de julho para poder votar

JM-Madeira

JM-Madeira

Data de publicação
26 Junho 2023
12:50

Os cidadãos venezuelanos residentes no estrangeiro vão poder voltar, pela primeira vez, nas eleições primárias da oposição venezuelana, marcadas para o próximo dia 22 de outubro. Mas a participação eleitoral está dependente de um procedimento.

Até ao próximo dia 7 de julho, os cidadãos residentes no exterior terão de atualizar os seus dados, ou concluir o processo de recenceamento, na plataforma da Comisión Nacional de Primaria de modo a poderem exercer o seu direito de voto.

O presidente da Comissão Nacional de Primárias, Jesus Maria Casal, revelou ontem uma lista de 14 candidatos inscritos: Andrés Caleca, Andrés Velázquez, Carlos Prosperi, César Pérez Vivas, César Almeida, Delsa Solórzano, Freddy Superlano, Glória Pinho, Enrique Capriles Radonski, José Hernández, Luis Farías, María Corina Machado, Roberto Enriquez e Tamara Adrián.

Jesus Maria Casal explicou, citado pela Lusa, que 40.000 venezuelanos já se recensearam ou atualizaram os dados e moradas, pela internet, para poderem votar no estrangeiro.

A 22 de outubro será escolhido o candidato que disputará as presidenciais de 2024 contra Nicolás Maduro.

Raul Caires

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Quem acha que vai governar a Região após as eleições de 26 de maio?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas