MADEIRA Meteorologia

I Liga: Matheus e João Gonçalves não falharam um minuto

Data de publicação
20 Maio 2024
9:35

Os guarda-redes Matheus, do Sporting de Braga, e João Gonçalves, do Boavista, foram os dois únicos totalistas de edição 2023/24 da I Liga portuguesa de futebol.

O brasileiro Matheus, de 32 anos, e João Gonçalves, de 23, cumpriram todos os 3.060 minutos da prova - numa contabilidade que não contempla descontos -, divididos pelas 34 jornadas.

Matheus, que sofreu um recorde de 50 golos, cumpriu a 10.ª temporada na baliza ‘arsenalista’, e sétima como titular, sendo que já tinha sido totalista na época 2017/18. Nas últimas três épocas, tinha disputado sempre 32 jogos.

Quanto a João Gonçalves, natural de Matosinhos, entrou para a época 2023/24 com apenas um jogo disputado na I Liga, na última ronda da época passada, para agora acrescentar 34, ao ser o eleito para substituir o aposentado Bracali.

Os dois guarda-redes foram os únicos a completar os 3.060 minutos da edição 2023/24 da I Liga, mas mais seis jogadores de campo estiveram nos 34 jogos.

Deste sexteto, apenas um atuou sempre como titular, o lateral direito Costinha, do Rio Ave, que acabou a época em beleza, com um golo de penálti ao Benfica, já nos descontos, que selou a 19.ª igualdade (1-1) do clube de Vila do Conde.

Por seu lado, Cristo González e Jason, do Arouca, Pepê, do FC Porto, Fábio Ronaldo, do Rio Ave, e Diogo Nascimento, do Vizela, estiveram nas 34 jornadas, mas nem sempre foram titulares.

Cristo González foi suplente utilizado numa ocasião, Jason e Pepê em duas, e Fábio Ronaldo em quatro, enquanto Diogo Nascimento não entrou no ‘onze’ em 12 ocasiões.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Considera que o novo governo vai cumprir o mandato?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas