MADEIRA Meteorologia

"Conversão" foi o mote da homilia desta Quarta-Feira de Cinzas na Sé do Funchal

JM-Madeira

JM-Madeira

Data de publicação
22 Fevereiro 2023
17:34

Realizou-se hoje a tradicional homilia de Quarta-Feira de Cinzas na Sé do Funchal. A "conversão" foi o mote do sermão ministrado por D. Nuno Brás neste início de quaresma.


"Os recentes acontecimentos mostraram muitas fragilidades e pecados que clamam pela urgência e necessidade de conversão. Precisamos de conversão, porque nem sempre soubemos cuidar dos mais fracos, em particular dos que são vítimas de abusos e exploração sexual, económica ou nos seus direitos fundamentais. Precisamos da conversão porque somos egoístas; porque passamos tantas vezes indiferentes ao outro e ao seu sofrimento; porque nos revestimos com uma carapaça dura que nos impede a abertura do coração e a incomodidade do confronto com a realidade que nos cerca", alertou o bispo do Funchal.


"Na raiz latina da palavra 'conversio' encontra-se a sugestão do abandono de um caminho que se percebe ser errado, e a mudança para uma nova direcção que possa conduzir à meta desejada. Apenas o ser humano é capaz de conversão verdadeira, porque apenas ele é dotado de liberdade e, portanto, capaz de realizar mudanças radicais e efectivas na sua existência.


A conversão tem lugar quando percebemos um bem maior, e nele encontramos forças para uma mudança radical. A mudança que é realizada apenas com o objectivo de interromper o aborrecimento não é, de facto, conversão: mudar apenas 'porque sim' não implica o nosso existir; consiste apenas na confirmação do que já somos — mudam as aparências para que tudo possa continuar na mesma", refletiu D. Nuno Brás.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

O que se segue à demissão de Miguel Albuquerque?

Enviar Resultados
RJM PODCASTS

Mais Lidas

Últimas