MADEIRA Meteorologia

PS-Madeira vai aguardar pelo desfecho dos processos relacionados com corrupção

Data de publicação
14 Fevereiro 2024
19:46

O líder do PS-Madeira, Paulo Cafôfo, declarou hoje que o partido mantém a confiança na justiça portuguesa e vai aguardar o desfecho de todos os processos relacionados com alegados crimes de corrupção envolvendo entidades madeirenses.

“O PS acredita na justiça e atua com os factos que são conhecidos”, disse o dirigente socialista madeirense na sede do PS, no Funchal, questionado pelos jornalistas à margem da apresentação do manifesto eleitoral da candidatura do partido, ‘Madeira a nossa causa’, às legislativas nacionais de 10 de março, pelo círculo da Madeira.

Paulo Cafôfo comentava assim a decisão do juiz de instrução criminal de libertar o ex-presidente da Câmara do Funchal Pedro Calado (PSD) e dois empresários 22 dias depois de terem sido detidos no âmbito de uma investigação a alegada corrupção na Madeira.

O responsável do PS-Madeira referiu que “há na Região uma rede de conluio” em negócios na Madeira que o partido tem denunciado, acrescentando que “cabe à Justiça tomar as respetivas decisões e deliberações”.

“O que nos interessa não é fazer justiça”, declarou, argumentando ser mais importante o facto de toda esta investigação do Ministério Público na Madeira ter provocado uma crise política e de o PS estar “muito empenhado em fazer parte da solução (...) e resolver todo este imbróglio criado”.

O líder socialista madeirense atestou que o partido “mantém tudo o que disse” em relação a esta situação” porque o “processo está ainda em averiguação, não foi fechado e a posição do PS mantém-se inalterada”, nomeadamente necessidade de eleições antecipadas.

“Queria dizer que o processo ainda não fechou. Há outros processos que vão decorrer e nós temos de aguardar pelo desfecho dos mesmos”, reforçou.

O ex-autarca do Funchal Pedro Calado e os dois empresários detidos há três semanas no âmbito da investigação a suspeitas de corrupção na Madeira ficaram hoje em liberdade, sob termo de identidade e residência, determinou o juiz de instrução.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Concorda com a mudança regular da hora duas vezes por ano?

Enviar Resultados
RJM PODCASTS

Mais Lidas

Últimas