MADEIRA Meteorologia

Legislativas 2024: “Se eu fosse presidente do Governo Regional, já tínhamos um ferry”, garante Cafôfo

Alberto Pita

Jornalista

Data de publicação
23 Fevereiro 2024
21:00

“Se eu fosse presidente do Governo Regional já tínhamos um ferry”, disse hoje Paulo Cafôfo, durante o frente a frente entre os cabeças de lista da coligação PSD-CDS Madeira Primeiro e o PS, que está a decorrer, sob moderação do JM e da rádio JM FM.

“Se eu fosse atualmente presidente do Governo Regional nós já tínhamos um ferry e por uma razão muito simples: porque deve ser o Governo Regional a lançar o concurso”, disse Paulo Cafôfo.

A declaração de Cafôfo provocou uma reação ao seu oponente. “Ah, só vale se for presidente. Se não for, já não vale”, acusou Pedro Coelho.

Paulo Cafôfo retorquiu dizendo que a Madeira ainda não tem a ligação marítima com o Continente porque o PSD “foi incapaz” de lançar o concurso para ferry.

“Efetivamente, prometi. E comigo, os madeirenses já teriam”, afirmou, aludindo à promessa eleitoral que fez em 2019, e que o JM avançou em primeira mão.

Para o candidato socialista, o que é necessário para resolver esta questão “não é o contencioso, mas o diálogo”, porque é preciso lançar concurso.

Na questão do ferry, prosseguiu o cabeça de lista do PS, “o Estado ajuda de diversas formas”, acrescentou.

Lembrou que o subsídio de mobilidade para as viagens marítimas já está previsto e que agora falta adaptar um porto no Continente para as rampas roll on e roll off, de modo a este tipo de navios poder atracar. “O que é que falta? Falta o Governo Regional lançar o concurso público”, disse.

Em sua opinião, a melhor solução para o porto de atracagem é em Lisboa.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Qual o seu grau de satisfação com a liberdade que o 25 de Abril trouxe para os madeirenses?

Enviar Resultados
RJM PODCASTS

Mais Lidas

Últimas