MADEIRA Meteorologia

Especialistas europeus visitam Madeira para ajudar a desenhar estratégia para o 'Hidrogénio Verde'

JM-Madeira

JM-Madeira

Data de publicação
18 Abril 2023
11:34

Um grupo de consultores europeus, na área de produção do denominado 'hidrogénio verde', está na Região para começar a desenhar aquela que será a estratégia da Madeira e do Porto Santo para esta área.

No primeiro dia dos trabalhos na Região, os especialistas estiveram reunidos com o secretário regional da Economia, Rui Barreto, que manifestou o empenho do Executivo madeirense em arrancar com este projeto-piloto, cuja candidatura foi apresentada pela Direção Regional de Economia e Transportes Terrestres.

O projeto, que será apoiado no âmbito do Programa de Recuperação e Resiliência da União Europeia, para além de Portugal, representado pela Região Autónoma da Madeira, envolve, ainda, outros nove países, precisamente, Estónia, França, Grécia, Irlanda, Letónia, Polónia, Roménia, Eslováquia e Eslovénia.

De acordo com o secretário regional da Economia, no essencial, "o que se pretende com este projeto é produzir hidrogénio a partir de fontes de energia renováveis, neste caso, será a partir do vento, com a energia eólica, que será transformada em hidrogénio e armazenada em baterias que serão, depois, utilizadas em autocarros de transporte coletivo de passageiros".

Rui Barreto salienta que "a 'Estratégia para o Hidrogénio Verde da Região Autónoma da Madeira' será um instrumento determinante para prosseguir com a redução das emissões de dióxido de carbono, bem como reduzir a dependência externa dos combustíveis fósseis e, ao mesmo tempo, corresponder àquelas que são as orientações da União Europeia e dos seus Estados-membros para a 'energia limpa' ou 'energia verde'".

A aposta no hidrogénio para abastecer os autocarros de transporte coletivo de passageiros, segundo Rui Barreto, "tem como objetivo reduzir o consumo de combustíveis fósseis neste setor dado que, neste momento, é o ramo de atividade que consome 48% do total de combustíveis fósseis na Região, o que é um volume significativo".

Desta forma, acrescenta ainda o governante, "a Região reforça, também, o seu posicionamento e pioneirismo em matéria de descarbonização, encontrando soluções que contribuem para uma redução efetiva das emissões de dióxido de carbono para a atmosfera, diminuindo a dependência externa de combustíveis fósseis e, simultaneamente, contribuindo para a qualidade ambiental do Planeta Terra e da Região".

A expetativa, disse Rui Barreto, "é que esta estratégia, que está a ser devidamente acompanhada por especialistas e consultores internacionais, bem como técnicos dos vários países envolvidos, esteja concluída até ao final deste ano, prevendo-se que o mesmo seja implementado ao longo dos próximos três anos".

Redação

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Considera que o novo governo vai cumprir o mandato?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas