MADEIRA Meteorologia

Confiança lamenta abandono do Largo da Fonte

Data de publicação
22 Fevereiro 2024
13:07

Abandonado. É assim que a coligação Confiança afirma encontrar-se, hoje, o Largo da Fonte e, de uma forma geral, toda a freguesia do Monte, sete anos após a queda da árvore que ali vitimou mortalmente 13 pessoas.

“Há a lamentar que, sete anos volvidos e depois da Confiança de ter apresentado um projeto de requalificação para o Largo da Fonte que incluía um memorial às vítimas da tragédia que ali aconteceu, este tenha sido absolutamente abandonado pelo atual executivo, o que é bem demonstrativo do abandono que toda a freguesia do Monte tem sido alvo durante este mandato”, deplorou Miguel Silva Gouveia, em declarações à margem da reunião da Câmara Municipal do Funchal desta quinta-feira.

Assim sendo, o vereador deixou garantias de que a coligação que encabeça irá voltar a tocar nesta matéria muito brevemente.

“Julgamos que é importante fazer honra e respeitar aqueles que sofreram com aquela tragédia”, disse.

Ainda a propósito do caso do Monte, que culminou ontem com a absolvição dos arguidos, Miguel Silva Gouveia reiterou a sua solidariedade para com Idalina Perestrelo, na altura vice-presidente da CMF, e Francisco Andrade, então chefe de divisão de espaços verdes.

“Viram finalmente um virar de página nestes sete anos de pesadelo que passaram desde a tragédia do Monte. Viram ontem a sua absolvição, mostrando que fizeram tudo o que estava profissionalmente ao seu alcance para evitar que tivesse acontecido aquela tragédia”, vincou, deixando ainda mais um reparo: “Ficou demonstrada que a justiça que aquelas famílias sofreram nunca se apagaria com outra injustiça feita com estes dois representantes do município”, sublinhou.

Já questionada pelos jornalistas, Cristina Pedra, presidente da autarquia funchalense, disse não ter conhecimento de qualquer necessidade da edilidade indemnizar as vítimas na sequência deste caso, bem como revelou que, para já, a CMF não tem prevista a construção de um memorial em sua memória.

Ainda assim, deu garantias de que este será um assunto para refletir.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Concorda com a mudança regular da hora duas vezes por ano?

Enviar Resultados
RJM PODCASTS

Mais Lidas

Últimas