MADEIRA Meteorologia

CDU defende promoção dos lagares do Curral das Freiras a património mundial

Data de publicação
23 Fevereiro 2024
17:55

A CDU, no âmbito da sua campanha para as legislativas à Assembleia da República, esteve hoje no Curral das Freiras, numa iniciativa sobre a defesa do património cultural e, em particular, para assumir o compromisso de defender que na República, em articulação com a Região autónoma da Madeira, seja promovida a património mundial da UNESCO os ‘Lagares escavados nas rochas no Curral das Freiras’.

A candidata da CDU às próximas Eleições Legislativas, Sílvia Vasconcelos, afirmou que “é compromisso da CDU a defesa da classificação e elevação a património mundial de estruturas esculpidas na rocha na nossa região: os Lagares, Lagaretas ou Lagariças, símbolos da prática regional de escavar na rocha”.

Disse Sílvia Vasconcelos que “no Curral das Freiras, em especial, há uma grande concentração destas estruturas, de onde, em tempos uma grande parte do vinho era dali proveniente, dando mesmo nome a uma casta vinícola conhecida como a caniceira no Curral das Freiras e como curraleira fora desta freguesia. Estas, são peças, identitárias e relevantes do nosso património histórico e cultural e por tal defendemos a valorização deste legado regional e que o mesmo seja referenciado e classificado, enquanto interesse etnográfico. Por tal, é intento da CDU defender que a Assembleia da República possa submeter estas estruturas pétreas a património cultural da humanidade, sob a égide da UNESCO”.

A CDU destaca a quantidade concentrada de mais de 30 estruturas escavadas na rocha utilizadas para lagares, já identificadas naquela freguesia e a sua importância distintiva daquele património.

De acordo com Sílvia Vasconcelos, “lamentavelmente, à semelhança de outro património material e imaterial, este património tem sido relegado ao abandono pela tutela regional, permitindo, inclusive, a sua adulteração e até destruição desta memória geológica e etnográfica cujos exemplares mais antigos, na história da humanidade, e idênticos aos nossos, datam à Idade do bronze, na Palestina”.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Concorda com a mudança regular da hora duas vezes por ano?

Enviar Resultados
RJM PODCASTS

Mais Lidas

Últimas