MADEIRA Meteorologia

Artigo de Opinião

Médico-Dentista

2/04/2023 04:32

No centro da questão estava o estado do navio. Defendem os primeiros que o barco estava em condições de navegar. E de facto estava! Tirando a parte de um motor e um gerador de energia elétrica estarem inoperacionais, estava. Palavra de honra que estava. Até porque eles não são irresponsáveis! Iam cá mandar a guarnição em missão sem estarem reunidas as condições de segurança?! Aposto que os coletes salva-vidas estavam em óptimo estado.

Já os ingratos dos marinheiros de água doce, garantem que a embarcação já teve dias melhores e o risco de terem que pedir ajuda ao navio que iam acompanhar era real… Eu não estou aqui para tirar por ninguém, mas tento pôr-me no lugar dos militares que se recusaram a fazer-se ao mar. Já imaginaram a vergonha que seria se esse navio espião russo nos apanhasse com as calças na mão? Mais… Não indo mostrámos que não são ameaça. Que não temos medo! Que podem vir coscuvilhar o que quiserem. Se estão a pensar começar a invasão pela ilha dourada, tudo bem… Só mostram que são uns meninos! Venham antes pelo lado de Câmara de Lobos que vão ver o que é bom… Ainda nem chegaram ao Cabo Girão e já estão a levar com espadas e sapatas nos queixos! Garanto.

E nem é preciso chamar a Marinha para nada. Tão pouco substituir barcos. Se for preciso vão de canoa. E a remos!

Até porque convenhamos. Mesmo que venha outro, nada garante que esteja a funcionar como deve ser. Pelo menos a ver pelo resto da nossa frota de defesa. Tínhamos 6 helicópteros Kamov, para combate a incêndios, que pusemos à disposição da Ucrânia. Dizem as más línguas que estavam inoperacionais! O que deve ser mentira, obviamente… Isto para não falar nos 37 tanques Leopard 2 que possuímos e, novamente de forma solícita, nos prontificámos a ceder 4. Aposto que eram para peças. Só pode. É que, a acreditar no que por aí se diz, também destes, apenas uma minoria está completamente funcional!

Valha-nos NSF (Nossa Senhora de Fátima). Que se dependermos de um NRP (Navios da República Portuguesa), estamos bem entalados, estamos. Sugiro que, de hoje em diante, se altere o significado dessa sigla para Nem Rebocado Presta…

Já quem presta ou não, no caso dos alunos são-tomenses da Escola Hoteleira, eu não sei! Queixam-se, os formandos, de escravidão e falta de condições. Afirmam que não foram informados de que iriam sair do seu país para enfrentar estas condições precárias. Pensavam, porventura, que vinham trabalhar 3 dias e folgar 4 com pensão completa num resort e acabaram a trabalhar 7 dias por semana das 7 às 22h. Por certo lá estavam melhor…

Informado, sua excelência o primeiro-ministro Trovoada, pediu calma. Calma e, já agora, que "se esclareça o incidente". Mais ainda? Está claro que o negócio está preto… Mas ok. Vá. O senhor está como São Tomé. "Precisa ver para crer".

Quem não queria acreditar no que via, fui eu, quando me apercebi que o Miguel Sousa Tavares tinha vindo à Feira do Livro. Bem, ao menos não foi ao Festival da Canção… É que, se a memória não me atraiçoa, foi ele que, em tempos, disse que o Bailinho da Madeira era provavelmente a pior música do mundo. De facto! Um tipo que, quando fala, mais parece um bode rouco, pode mesmo falar de "barulho"…

Ps, palavra de apreço para o nosso presidente da Proteção Civil. Estão sempre a implicar com o Coronel. Irra! Primeiro foi a falta de curso. Agora até com o apartamento T3 a 1900€/mês pegam! Não acham bem? Levem-no para casa. Eu não levo porque não tenho espaço, mas que merecia, merecia! Desde que assumiu o cargo que não temos tido chatices. A terra não treme. O mar não se revolta. Não há incêndios. Pouco chove. O que mais querem? Deixem-se de coisas e mudem-no para uma penthouse triplex, mas é…

Pedro Nunes escreve ao domingo, todas as semanas

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Concorda com a mudança regular da hora duas vezes por ano?

Enviar Resultados
RJM PODCASTS

Mais Lidas

Últimas