MADEIRA Meteorologia

BTL regressa de 12 a 16 de março em 2025 e vai esgotar novamente

Data de publicação
06 Junho 2024
22:38

A edição de 2025 da BTL – Bolsa de Turismo de Lisboa, o maior evento do setor em Portugal, vai decorrer de 12 a 16 de março na FIL, na capital, foi hoje anunciado, com a organização a acreditar que o evento vai esgotar.

O anúncio foi feito hoje, na FIL em Lisboa, durante a entrega de prémios da edição de 2024 e lançamento da edição de 2025, num evento que reuniu centenas de profissionais e parceiros do turismo, um dos setores com maior crescimento na economia portuguesa.

Na abertura do evento, António Ramalho, presidente da Comissão Executiva da Lisboa FCE [Feiras, Congressos e Eventos], entidade organizadora da BTL, destacou o crescimento que o evento tem registado.

“A BTL tanto traduz como contribui para o bom momento do turismo nacional e a procura que temos registado por parte de empresas e entidades permite-nos perspetivar, com muito otimismo, a edição de 2025”, afirmou, salientando ainda o facto de a BTL ser “o maior evento empresarial” que se realiza em Portugal.

Já Rita Marques, ex secretária de Estado do Turismo, que hoje foi apresentada como nova presidente do Conselho Estratégico da BTL, considerou que o evento “pode e deve crescer” como o setor tem crescido: “combatendo a sazonalidade, não se esgotando numa mostra pontual no ano; apostando na diversificação de mercados, indo para lá do perímetro nacional e fazendo pontes com os mercados internacionais; e aportando valor para todos, também para aqueles que trabalham no setor; em estrita colaboração com os empresários do setor, os territórios e, evidentemente, o Turismo de Portugal”.

Segundo a Fundação AIP, o Conselho Estratégico da BTL é um órgão consultivo, que reunirá personalidades de “reconhecido mérito e experiência profissional” e que terá como missão contribuir para o desenvolvimento de uma estratégia que permita à BTL consolidar e desenvolver a sua posição como um dos principais eventos do setor turístico na Europa, bem como garantir o seu alinhamento com o mercado e com os objetivos das empresas e entidades que nela participam.

Por seu lado, o diretor geral adjunto da Lisboa FCE, Pedro Braga, terminou a apresentação dos seis vetores estratégicos que a organização definiu para a edição do próximo ano realçando que “em 2025 a BTL irá novamente estar esgotada (...)”.

O secretário de Estado do Turismo, ausente do país para as comemorações do dia de Camões, deixou uma mensagem vídeo na qual destacou a relevância da BTL na afirmação e na promoção do turismo nacional.

“Um voto de futuro em 2025, numa nova ambição para a nossa Bolsa de Turismo de Lisboa que tenha mais empresas, mais visitantes e mais países. Tem feito um caminho notável na aproximação do ADN da oferta Portugal, com a integração das comunidades intermunicipais, dos municípios e muitos outros parceiros, que normalmente não víamos na BTL”, disse Pedro Machado.

O governante aproveitou o facto de o campeonato da Europa estar quase a começar para manifestar o desejo de que a BTL seja uma campeã na liga Europa das feiras internacionais de Turismo.

“Sei que o trabalho que está a ser desenvolvido vai nesse caminho e essa é seguramente uma aposta que queremos ter. E para isso, o Turismo de Portugal quer estar ao vosso lado nesse desafio e nessa nova ambição para 2025”, concluiu no encerramento do evento.

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Considera que o novo governo vai cumprir o mandato?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas