MADEIRA Meteorologia

Marítimo: Afinal a AG requerida por sócios será marcada até final de julho

JM-Madeira

JM-Madeira

Data de publicação
20 Junho 2023
21:28

Ao contrário do inicialmente noticiado, a Assembleia Geral Extraordinária do Marítimo convocada por 56 sócios para discussão da destituição dos órgãos sociais do clube não acontecerá a 4 de julho e apenas será marcada uma data para a sua realização até ao dia 31 de julho.


Recorde-se que José Augusto Araújo, presidente da Mesa da Assembleia Geral verde-rubra, esteve esta tarde reunido com os promotores do requerimento de uma Assembleia Geral Extraordinária que visa a anàlise à conjuntura da instituição - tanto ao nível desportivo como financeiro -, uma votação da destituição dos membros de todos os órgãos sociais da coletividade verde-rubra e ainda a marcação de processo eleitoral, em caso de destituição da atual direção.


Ao que o JM apurou junto de fonte ligada ao processo, a data desta reunião magna deverá ser decidida até final do mês de julho mediante o pagamento de uma verba superior a 1.200 euros para ajudas de custo. Os elementos do grupo de sócios que estiveram reunidos com José Augusto Araújo tinham ficado com a ideia que a Assembleia Geral seria agendada para o dia 4 de julho, todavia na ata da reunião que lhes foi disponibilizada não se verificou tal situação.


Dizer ainda que os associados em questão pediam que os três pontos supracitados fossem aditados na Assembleia Geral Extraordinária que terá lugar no próximo dia 27, onde será aprovado ou não o Plano Estratégico para o futuro imediato dos verde-rubros. Tal desejo não se confirmou, devido a uma impossibilidade estatutária, segundo explicou em comunicado, esta terça-feira, José Augusto Araújo.

[Artigo atualizado às 23h37]

Hélder Teixeira

OPINIÃO EM DESTAQUE

88.8 RJM Rádio Jornal da Madeira RÁDIO 88.8 RJM MADEIRA

Ligue-se às Redes RJM 88.8FM

Emissão Online

Em direto

Ouvir Agora
INQUÉRITO / SONDAGEM

Quem vai ganhar a Taça de Portugal?

Enviar Resultados

Mais Lidas

Últimas